'Estava todo sujo de sangue e aparentemente foi lavado', diz delegada após perícia em carro do suspeito de matar mulher na BA - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

quarta-feira, setembro 01, 2021

'Estava todo sujo de sangue e aparentemente foi lavado', diz delegada após perícia em carro do suspeito de matar mulher na BA




Caso aconteceu na cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador. Principal suspeito de matar Gabriela Jardim Peixoto, de 35 anos, é o médico e ex-marido dela, Antônio Marcos Rego Costa.


“Agora com a perícia, a gente tem o conhecimento de que o carro estava todo sujo de sangue e aparentemente foi lavado, de forma mal lavada, mas não adianta nada". Esse foi o resultado, segundo a delegada Klaudine Passos, da perícia feita no carro do médico Antônio Marcos Rego Costa, suspeito de matar a ex-esposa Gabriela Jardim Peixoto, de 35 anos, em Feira de Santana.

O procedimento foi realizado na tarde desta terça-feira (31) após o advogado do suspeito, Guga Leal, apresentar o veículo. De acordo com a delegada, o médico terá a prisão preventiva solicitada à Justiça.

Em entrevista ao jornal BATV, da TV Bahia, a delegada Kaludine Passos informou que a polícia tentou fazer a perícia na segunda-feira (30), porém, o automóvel não foi encontrado no condomínio. “Nós tentamos ontem pegar esse carro, não conseguimos, haviam saído do condomínio onde se encontrava, mas hoje pela manhã o advogado então esteve aqui comigo e apresentou o veículo”.

Gabriela Jardim estava desaparecida desde 22 de agosto, em Feira de Santana. Ela foi brutalmente assassinada / Foto: Redes Sociais

O corpo de Gabriela Peixoto, que estava desaparecida desde o dia 22 de agosto, foi encontrado no sábado (28), às margens da BR-116, em Feira de Santana, cidade que fica a cerca de 100 km de Salvador.

A polícia informou que o inquérito está em fase avançada de desenvolvimento e deve ser concluído antes do prazo legal de 30 dias.

Policiais chegaram até o local onde o corpo estava, perto da entrada do distrito da Matinha, após receberem denúncias anônimas.

O corpo de Gabriela Peixoto foi achado sem as roupas, da cintura para cima e foi reconhecido por familiares que estiveram no local. Outros exames feitos pelo DPT comprovaram que o cadáver é da vítima.

Gabriela foi vista pela última vez saindo de um veículo para encontrar o ex-marido. Segundo a polícia, o homem ainda não foi localizado. O carro da mulher foi encontrado abandonado em um posto de combustível com todos os pertences dela, mas não há detalhes do local e data em que o veículo foi achado.


Fotos :::: Reprodução / G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->