Homem é baleado na porta de casa durante tiroteio no bairro de Cidade Nova, em Salvador: 'Guerra constante', diz parente da vítima - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, setembro 17, 2021

Homem é baleado na porta de casa durante tiroteio no bairro de Cidade Nova, em Salvador: 'Guerra constante', diz parente da vítima



Vítima está internada em observação e estado de saúde é estável. Troca de tiros foi motivada por disputa de território de tráfico de drogas.



Um homem foi baleado na porta de casa durante um tiroteio no bairro de Cidade Nova, em Salvador, na noite de quinta-feira (16). Segundo familiares da vítima, ele está internado em observação e o estado de saúde é estável.

A vítima trabalha como motorista de transporte escolar. Uma mulher, parente dele, contou que ele estava na porta de casa, quando o tiroteio começou. Por causa do medo de represálias, os moradores preferem não ser identificados.

“Estávamos na porta de casa quando aconteceu. A gente não tem mais liberdade. A gente estava na porta da rua e eu disse: ‘entre, entre’. Eles [suspeitos] nem esperaram ele entrar e baleou”, contou a mulher.

Os moradores contaram ainda que o intenso tiroteio aconteceu nas localidades de Vila Carmosina, Alto da Formosa.

“A bala entrou e saiu e está sendo observado pelos médicos. Nós estamos muito apreensivos aqui, porque a coisa está recorrente. De vez em quando tem essa guerra constante, que não deixa a gente em paz. Pode matar uma criança, pode matar qualquer pessoa”, detalhou ainda a parte do trabalhador baleado.

A troca de tiros foi motivada por disputa de território de tráfico de drogas. Há também a informação de que uma pessoa, que teria envolvimento com o crime, morreu após ser baleada. A polícia ainda não confirmou essa morte.

Na Rua Sá Nunes, vários imóveis e alguns veículos amanheceram com marcas de tiros. Ainda durante a confusão, moradores correram para se esconder. Na manhã desta sexta-feira (17), o policiamento está reforçado no bairro.



Foto ::: Reprodução / Ilustrativa  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->