PARA STF ISSO NÃO É CRIME 🇨🇳 "Quando pararem de nos matar, eu paro de queimar as bandeiras", desafia vocalista de A Travestis após protesto em show 🇨🇳 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

terça-feira, setembro 28, 2021

PARA STF ISSO NÃO É CRIME 🇨🇳 "Quando pararem de nos matar, eu paro de queimar as bandeiras", desafia vocalista de A Travestis após protesto em show 🇨🇳


A cantora Tertuliana, vocalista da banda A Travestis, comentou nesta segunda-feira (27/9) a polêmica envolvendo a queima da bandeira do Brasil durante um show em Feira de Santana. O ato de protesto rendeu comentários até dos filhos do presidente Jair Bolsonaro.


Em um vídeo enviado a redação da TV Aratu, Tertuliana lembrou que o país é o que mais mata travestis e transexuais em todo o mundo. 

"A bandeira, pra mim, simboliza umas coisas muito pesadas. Eu vivo num país onde mais se mata pessoas como eu, travestis e transexuais. Temos 35 anos de expectativa de vida nesse país absurdo. E a historia de colonização que essa bandeira traz foi justamente o que eu pensei em queimar. Então quando vocês pararem de nos matar, eu paro de queimar as bandeiras", 

reclamou.

Após o ato, diversos comentários nas redes sociais pediram a prisão da artista por queimar um simbolo nacional. Ela destacou que essa lei, de 1969, que previa pena de 2 a 4 anos para quem queimasse a bandeira do Brasil, foi revogada em 1978.


Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.



Credito da foto ::: Redes Sociais


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->