Prefeito Bruno Reis defende retorno da torcida aos estádios em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, setembro 24, 2021

Prefeito Bruno Reis defende retorno da torcida aos estádios em Salvador




O prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), afirmou na tarde desta quinta-feira, 23, que é favorável ao retorno da torcida aos estádios de futebol da capital baiana. A declaração foi concedida durante a inauguração do Museu Cidade da Música da Bahia, localizado no bairro do Comércio.


De acordo com o gestor municipal, a retomada da torcida presencialmente teria que ocorrer dentro de algumas condições. A principal delas, seria que o estádio não ultrapassasse o limite máximo de 30% de sua capacidade. Até o momento, nove capitais no país lá permitiram o retorno.

"Nove estados no Brasil, nove capitais já liberaram. Parece que até sexta-feira outras duas estariam liberando. Acredito que haja condições de retomar as partidas de futebol com presença de público no limite máximo de 30%. Existe o apoio da prefeitura para retomar aqui em Salvador, os jogos de forma presencial dentro desse limite", afirmou Bruno.

Outra condição colocada pelo prefeito, seria de que a retomada só acontecesse nos estádios em que seja possível uma maior fiscalização dos torcedores que terão o acesso. Entre as exigências, estariam comprovante de vacinação e as cadeiras, para evitar aglomerações.

"Defendo a posição que já é possível, talvez nos estádios em que se possa fazer um controle maior. Porque tem como exigir a vacinação e tem como lá dentro, diante das cadeiras, fazer uma divisão de forma que não haja uma concentração", completou o gestor.

A última vez que a cidade Salvador recebeu jogos de futebol com presença da torcida foi em meados de março do ano passado, antes de todas as medidas restritivas da pandemia. Em maio e agosto deste ano, o Bahia chegou a realizar ações onde selecionou sócios para assistirem a decisão da Copa do Nordeste, diante do Ceará, a partida contra o Atlético-GO, pela 16ª rodada do Brasileirão.


 Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->