Vitória encara o Brusque em nova chance de deixar a zona de rebaixamento - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, setembro 17, 2021

Vitória encara o Brusque em nova chance de deixar a zona de rebaixamento



Depois de ter a reação freada com uma derrota em casa no último fim de semana, nesta sexta-feira, 17, o Vitória volta a campo para tentar uma rápida reabilitação na caminhada em direção a um lugar fora da zona de rebaixamento da Série B. É hora de levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima, como cantava Beth Carvalho. Para isso, o Rubro-Negro vai até Brusque, em Santa Catariana, enfrentar o time homônimo à cidade. A partida é válida pela 24ª rodada e acontece no Estádio Augusto Bauer, a partir das 16h.


Até ser derrotado pelo Remo, no Barradão, o técnico Wagner Lopes estava invicto no comando do Leão. A série de seis jogos sem derrotas, sendo cinco com o treinador, fez o time enxergar uma luz no fim do túnel do Z-4. A saída da zona da degola, inclusive, pode acontecer nesta sexta. Mas depende de um triunfo rubro-negro combinado com uma derrota da Ponte Preta, que recebe o Guarani às 21h30.

Mesmo que a Macaca não ajude e que o Vitória termine mais uma rodada entre os quatro últimos colocados, voltar a vencer é fundamental para o treinador mostrar que está no caminho certo. Algo reforçado pelo próprio Wagner Lopes na entrevista coletiva que marcou o fim da preparação para a partida desta tarde.

“Cada um absorve a derrota de forma diferente. Cada jogador tem a sua individualidade, que a gente respeita. É muito importante reagir positivamente lá em Brusque. Brigar para pontuar, brigar para vencer. Com organização, mas com um preparo mental forte”, avaliou, na quinta, 16, o técnico rubro-negro.

Foi sob a batuta de Wagner Lopes que o time viveu os melhores momentos na Série B, com direito a sequência invicta e vitória fora de casa, situação que ele tenta repetir nesta sexta, em meio a alertas de um jogo difícil.

“A gente sabe que lá em Brusque o jogo é truncado, é um jogo físico, de trocar raça com os caras, buscar dar o seu melhor”, projetou.

Apesar dos avisos do treinador rubro-negro, o Leão terá pela frente um time que vive péssima fase. O Brusque não vence há nove jogos e vem despencando na tabela de classificação da Segundona.

A distância atual entre os times é de quatro pontos, e a partida pode até ser considerada um confronto direto, já que um triunfo do Vitória coloca o Brusque ao alcance do Z-4 na próxima rodada.

Desfalques

Para a partida desta noite, Wagner Lopes não vai contar com a dupla de zaga titular porque Wallace Reis e Mateus Moraes cumprem suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos. O técnico tentou fazer mistério na entrevista, mas é pouco provável que Thalisson Kelven e João Victor não sejam os escolhidos para aparecer na escalação inicial.

“A gente não pode usar nem Mateus nem Wallace. Tenho substitutos para eles. Mas não tenho informações sobre o Brusque. Preciso deixar para o jogo mesmo o que a gente pretende fazer”, despistou.



Foto: Pietro Carpi | EC Vitória

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->