Policial militar é baleado após tentar evitar assalto em ônibus no bairro de Praia Grande, em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

terça-feira, outubro 05, 2021

Policial militar é baleado após tentar evitar assalto em ônibus no bairro de Praia Grande, em Salvador



Caso aconteceu por volta das 12h40, na Avenida Afrânio Peixoto, também conhecida como Av. Suburbana. Um dos suspeitos foi baleado e morreu no local, outro foi preso.


Um policial militar foi baleado no braço ao tentar evitar um assalto a ônibus, no início da tarde desta terça-feira (5), no bairro de Praia Grande, em Salvador. Conforme informou a Polícia Militar, um dos suspeitos de cometer o crime também foi atingido e morreu, o outro foi preso.

Ônibus é assaltado na Avenida Paralela: 'Disseram que não iam fazer nada e que só estavam fazendo o corre deles'

De acordo com a PM, o caso aconteceu por volta das 12h40, na Avenida Afrânio Peixoto, também conhecida como Avenida Suburbana. O soldado, que é lotado na 19ª CIPM, estava no coletivo quando os dois homens anunciaram o assalto.

Segundo informações da PM, houve uma troca de tiros dentro do ônibus quando o policial, que estava de folga, tentou prender os suspeitos. O soldado foi baleado no braço, socorrido e levado para o Hospital do Subúrbio. O estado de saúde dele é estável.

A PM informou que o suspeito, que foi baleado durante a troca de tiros, morreu ainda dentro do ônibus. O outro foi levado para a 5ª Delegacia Territorial (DT) de Periperi e depois será encaminhado para o Grupo de Repressão a Roubo em Coletivos (GERRC).

Ainda segundo a Polícia Militar, foram apreendidos um revólver calibre 38 - utilizado no momento do crime - , dois aparelhos celulares (um deles tomado no assalto e já devolvido à vítima), munições, uma porção de cocaína e uma bermuda.

"Aqui na 5ª Delegacia Territorial, durante depoimento, ele confessou ter anunciado o assalto e atirado no policial", disse o titular da DT, delegado Ricardo Amorim.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) informou que o suspeito preso acumula quatro passagens pela polícia, por violência contra mulher (duas vezes), receptação e roubo.

"Quando as guarnições chegaram ele tinha fugido, mas algumas pessoas informaram para onde ele havia corrido. As diligências foram iniciadas e o criminoso foi encontrado", explicou o comandante da 18ª Companhia Independente da PM, major Luís Ribeiro Neri.

A SSP informou que o suspeito que morreu ainda não foi identificado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->