Rachadinha no gabinete do senador Alcolumbre no Senado rendeu R$ 2 mi - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sábado, outubro 30, 2021

Rachadinha no gabinete do senador Alcolumbre no Senado rendeu R$ 2 mi




O gabinete do senador Davi Alcolumbre, ex-presidente do Senado, foi acusado de receber R$ 2 milhões em um esquema de “"rachadinha" na Casa. Segundo informou a revista Veja, pessoas de confiança do parlamentar recolhiam parte do salário de seis assessoras, que ganhavam na época entre R$ 4 mil e R$ 14 mil reais, além da entrega de benefícios e verbas rescisórias.


De acordo com a publicação, o esquema funcionou entre janeiro de 2016 até março deste ano. Para repassar a maior parte de seus salários ao senador, as assessoras tiveram que abrir uma conta no banco e entregaram o cartão com a senha para pessoas de confiança de Alcolumbre, descobriu a veja. Em troca, elas recebiam uma pequena gratificação, que, em alguns casos, não correspondia a 10% do salário.

O senador negou todas as acusações e disse ser alvo de uma "orquestração por uma questão e institucional da CCJ", disse a nota enviada a imprensa. "Nunca em hipótese alguma, em tempo algum, tratei, procurei, sugeri ou me envolvi nos fatos mencionados que somente tomei conhecimento agora", disse Alcolumbre por meio do texto.

Ele também afirmou considerar "repudiável" a prática de confisco de salários e que irá tomar as "providências necessárias para que as autoridades competentes investiguem os fatos".



Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->