FEIRA DE SANTANA @ Órgãos de trânsito visitam trechos do Anel de Contorno e discutem intervenções - Observador Independente

BAHIA

16 de mayo de 2018

FEIRA DE SANTANA @ Órgãos de trânsito visitam trechos do Anel de Contorno e discutem intervenções

Foto: Paulo José / Acorda Cidade

Os pontos visitados foram o cruzamento do restaurante Los Pampas, bairro Santo Antônio dos Prazeres, Campo Limpo, região da Artêmia Pires, Mangabeira, Sobradinho, Morada das Árvores e a região da Cerb.

Representantes da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), do Detran e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizaram uma visita a oito pontos do Anel de Contorno em Feira de Santana, na manhã desta quarta-feira (16), com o objetivo de verificar os problemas e pensar soluções.

Foto: Paulo José / Acorda Cidade

Os pontos visitados foram o cruzamento do restaurante Los Pampas, bairro Santo Antônio dos Prazeres, Campo Limpo, região da Artêmia Pires, Mangabeira, Sobradinho, Morada das Árvores e a região da Cerb.

O superintendente municipal de trânsito, Maurício Carvalho, informou que essa visita é um desdobramento de uma reunião que ocorreu no dia 10 de maio na sede do Denit, envolvendo os mesmos órgãos. Segundo ele, o objetivo é traçar um diagnóstico nos pontos de conflitos, que ligam os segmentos de fora e dentro do Anel de Contorno.

“Feira de Santana é o maior entroncamento rodoviário do interior do Norte e Nordeste do Brasil, cortado por cinco rodovias. Como se não bastasse isso, temos, na verdade, mais moradores fora do Anel de Contorno que dentro, só que necessariamente eles precisam se deslocar de dentro pra fora do Anel ou vice-versa. Sabemos que é preciso duplicar o Anel de Contorno e essa é uma luta que deve ser de todos nós. Enquanto isso não acontece, estamos nesse trabalho compartilhado para buscarmos soluções atenuantes para melhorar a segurança e a fluidez do tráfego”, afirmou.

acordacidade
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas