JUAZEIRO @ SECRETÁRIO DIZ QUE APÓS INTERVENÇÃO SERÁ EXECUTADO O REMANEJAMENTO DO PISO TÁTIL E A IMPLANTAÇÃO DOS BANCOS QUE FORAM RETIRADOS - Observador Independente

BAHIA

2 de mayo de 2018

JUAZEIRO @ SECRETÁRIO DIZ QUE APÓS INTERVENÇÃO SERÁ EXECUTADO O REMANEJAMENTO DO PISO TÁTIL E A IMPLANTAÇÃO DOS BANCOS QUE FORAM RETIRADOS

Na manhã dessa quarta-feira (02) equipes técnicas das Secretarias de Obras e Desenvolvimento (SEDUR), Serviços Públicos (SESP) e Serviço de Água e Saneamento Ambiental (SAAE), além de técnicos da COELBA e Oi, percorreram a área central da cidade que vem recebendo melhoramento na rede elétrica. 

A visita teve como objetivo avaliar a nova posteação implantada no Calçadão da Conselheiro Saraiva e a área que ainda vai receber novos postes.

De acordo com o gestor da unidade da Coelba em Juazeiro Jezer Pacheco, a intervenção tem como foco melhorar a qualidade do fornecimento de energia, com a implantação de novas redes, postes e transformadores que possam ser adequados à demanda existente.

Estamos buscando o melhoramento da rede para termos mais qualidade de fornecimento com a substituição das redes existentes por redes mais modernas com cabos multiplexados, que são redes isoladas para a baixa tensão e no caso de alta tensão estamos utilizando uma rede semi isolada com uma proteção que reduz riscos de acidentes e também de falta de energia, além de ocupar menos espaço, tornando a rede mais compacta, explica Pacheco.

O titular da SEDUR Anderson Alves que juntamente com o gestor de obras da pasta, Hemerson Guimarães também acompanhou toda a visita, destacou que a Prefeitura vem acompanhando todo o processo para que sejam evitados ou minimizados os transtornos que uma intervenção desse tipo pode causar.

“Estamos avaliando junto com a Coelba o remanejamento de alguns postes já implantados no Calçadão da Conselheiro Saraiva, que devido a existência de redes de telefonia e água subterrâneas, acabou mudando o local de implantação do mesmo, o que comprometeu parte da mobilidade e acessibilidade na via e também para avaliar as outras vias do centro que receberão os mesmos serviços. Nossa maior preocupação enquanto gestor da pasta de obras é que essa importante intervenção para melhoria do fornecimento de energia do centro comercial, que vinha sofrendo com quedas de energia devido a rede antiga, não traga transtornos para mobilidade e acessibilidade”, destacou Anderson Alves.

Questionado por grande parte da população sobre a colocação de postes sobre o piso tátil, Anderson Alves esclareceu que assim que a intervenção for concluída será executado o remanejamento do piso, bem como a implantação dos bancos que foram retirados. “Queremos tranqüilizar a população e esclarecer que não estamos brincando com o dinheiro público, a intervenção em questão era uma antiga reivindicação dos comerciantes do centro que está sendo atendida pela Coelba”, observou o secretário de Obras, acrescentando que é uma determinação direta do prefeito, Paulo Bomfim, que todas as secretarias apóiem e contribuam com ações voltadas para o desenvolvimento da nossa cidade.

“Estamos acompanhando todo o serviço e já solicitando à equipe da Coelba mudanças no novo projeto que vai promover a melhoria da rede em outras ruas como a popular Rua da Apolo, Calçadão da Benjamim Constant e vai seguir até as imediações do Estádio Adauto Moraes. Então pedimos a compreensão e colaboração da população no sentido de entender que alguns transtornos são inevitáveis, mas que os ganhos propiciados pela intervenção são superiores a qualquer transtorno”, finalizou o secretário.

Gardennia Garibalde/SEDUR

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas