SANTO AMARO @ Justiça nega habeas corpus a Ricardo Machado e ex-prefeito continua foragido - Observador Independente

BAHIA

3 de mayo de 2018

SANTO AMARO @ Justiça nega habeas corpus a Ricardo Machado e ex-prefeito continua foragido

Por: Gilberto Junior 




A Polícia está à procura do ex-prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT). Nesta quinta-feira (3), a 1ª Turma do Tribunal de Justiça (TJ-BA) revogou a liminar que concedia liberdade provisória ao ex-prefeito e reestabeleceu o decreto de prisão do petista. O ex-prefeito teve mandado de prisão decretado no início do mês passado, que não foi cumprido pois o réu estava foragido.

De acordo com o Ministério Público da Bahia, Machado teria desviado cerca de R$ 5,1 milhões em contratos com empresas do empresário Luís Cláudio. Ainda segundo o MP-BA, Machado é acusado de integrar um esquema que teria desviado cerca de R$ 24 milhões entre 2013 e 2015. O político é investigado pela Operação Adsumus, que investiga desvios da ordem de R$ 20 milhões dos cofres da prefeitura de Santo Amaro.

Vistos, relatados e discutidos estes autos de HABEAS CORPUS sob o nº 0028855-81.2017.8.05.0000, tendo como Impetrante a Advogada Gisela Borges de Araújo e Paciente Ricardo Jasson Magalhães Machado do Carmo. Acordam, à unanimidade de votos, os Desembargadores integrantes da Primeira Turma da Segunda Câmara Criminal do Egrégio Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, em denegar a ordem, nos termos do voto do Relator, 
diz trecho da decisão.

bocãonews

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas