BRASÍLIA @ Caetano assina apoio à CPI da Lava Jato: “É importante que essa coisa fique mais transparente” - Observador Independente

BAHIA

19 de junio de 2018

BRASÍLIA @ Caetano assina apoio à CPI da Lava Jato: “É importante que essa coisa fique mais transparente”

Crédito da foto: BNews / Por: Guilherme Reis



CONTRA A LAVA JATO 

Além de Caetano, assinaram o pedido Afonso Florence (PT), Alice Portugal (PCdoB), Bacelar (Podemos), Bebeto (PSB), Cacá Leão (PP), Daniel Almeida (PCdoB), Elmar Nascimento (DEM), Félix Mendonça Júnior (PDT), Fernando Torres (PSD), João Carlos Bacelar (PR), Jorge Solla (PT), José Nunes, José Rocha (PR - retirou o assinatura), Lúcio Vieira Lima (MDB), Mário Negromonte Júnior (PP), Nelson Pelegrino (PT), Roberto Britto (PP) e Valmir Assunção (PT).

Um dos deputados federais baianos que assinaram um pedido para instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar esquemas de venda de proteção em delações premiadas na Lava Jato, Luiz Caetano (PT) argumentou que a operação precisa de mais transparência.

“Muitos deputados assinaram para deixar mais transparente. É importante que essa coisa fique mais transparente, para ver como está sendo conduzida e para que o Congresso e a sociedade fiquem sabendo”, disse em entrevista ao BNews, na manhã desta terça-feira (19), durante inauguração da Via Metropolitana, em Lauro de Freitas.

“Qualquer operação desse nível tem que ficar cada vez mais transparente para que a sociedade confie mais ainda”, acrescentou o parlamentar. 

Além de Caetano, assinaram o pedido Afonso Florence (PT), Alice Portugal (PCdoB), Bacelar (Podemos), Bebeto (PSB), Cacá Leão (PP), Daniel Almeida (PCdoB), Elmar Nascimento (DEM), Félix Mendonça Júnior (PDT), Fernando Torres (PSD), João Carlos Bacelar (PR), Jorge Solla (PT), José Nunes, José Rocha (PR - retirou o assinatura), Lúcio Vieira Lima (MDB), Mário Negromonte Júnior (PP), Nelson Pelegrino (PT), Roberto Britto (PP) e Valmir Assunção (PT).


bocãonews

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas