SALVADOR @ Prefeitura viabiliza crédito de US$135 milhões para projeto no Subúrbio - Observador Independente

BAHIA

26 de junio de 2018

SALVADOR @ Prefeitura viabiliza crédito de US$135 milhões para projeto no Subúrbio

Crédito da foto: Arquivo 




O Subúrbio de Salvador ganhou crédito de US$135 milhões, do prefeito ACM Neto junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em Brasília, para viabilizar a realização do projeto Novo Mané Dendê. 

Os 34 mil moradores dos bairros de Santa Terezinha, Plataforma, Ilha Amarela, Itacaranha e Rio Sena serão beneficiados com ações essenciais para promover a sustentabilidade social, econômica, urbana e ambiental da região.

A estratégia de intervenção no local contribui para a as obras de macrodrenagem do canal do Mané Dendê (2 km), implantação da rede de esgotamento sanitário com 1.800 novas ligações, tratamento e disposição final de seus efluentes.

Além disso, moradias que se encontram em áreas de risco e nas linhas de drenagem serão realocadas e outras 970 serão construídas dentro da área do projeto para o reassentamento de famílias. O contrato prevê ainda a urbanização de áreas públicas a partir da ampliação da capilaridade viária; a construção de passeios e rotas de acessibilidade; a execução de um sistema de drenagem complementar; e a recuperação do sistema de drenagem existente.

De acordo com ACM Neto, os moradores da região do Mané Dendê também serão contemplados com a construção de um mercado público, duas creches, um centro cultural multiuso, um terminal de ônibus, 24 praças, além de vias de acesso de transporte público e recuperação das nascentes existentes no local. 

O acordo firmado junto ao BID estabelece que, do montante total, 50% será de contrapartida da Prefeitura e os outros 50% serão destinados pelo banco. Além disso, o secretário municipal da Casa Civil, Luiz Carreira, afirmou que a expectativa é que o projeto seja executado nos próximos cinco anos.


BNews / Gilberto Júnior 

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas