SALVADOR @ Suspeito de tráfico morre em confronto com a Rondesp na Ribeira; traficantes e usuários protestam - Observador Independente

BAHIA

6 de junio de 2018

SALVADOR @ Suspeito de tráfico morre em confronto com a Rondesp na Ribeira; traficantes e usuários protestam

Crédito da Foto: leitor




Um pequeno grupo de manifestantes, supostamente de traficantes e usuários, bloqueou um trecho da Avenida Porto dos Mastros, no bairro da Ribeira, em Salvador, na tarde desta quarta-feira (6/6). O ato aconteceu horas depois de um suposto traficante de identidade ainda não revelada morrer durante confronto com policiais militares na localidade.

A morte do homem aconteceu por volta das 6h. Agentes da Companhia Independente de Policiamento Tático (Rondesp/BTS) disseram que faziam rondas na Ribeira quando foram foram informados por moradores que pelo menos oito homens armados estariam traficando drogas na Travessa Capitão Eugênio.

Durante as buscas, contaram ainda os militares, o grupo reagiu à abordagem. No confronto, um dos suspeitos acabou sendo baleado. Ele chegou a ser socorrido para o hospital, mas não resistiu. Com ele, os PMs relatam que foram encontrados um revólver calibre 38 e drogas. O restante do bando fugiu.

De acordo com o Centro Integrado de Comunicação das Polícias (Cicom), o protesto começou por volta das 15h. O órgão não confirma a ligação entre a morte do suposto traficante e da manifestação. Equipes da PM e do Corpo de Bombeiros foram acionadas para ajudar no combate às chamas colocadas na avenida

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas