BAHIA @ FICHA SUJA # TCU lista 483 agentes políticos na Bahia com contas rejeitadas - Observador Independente

BAHIA

27 de julio de 2018

BAHIA @ FICHA SUJA # TCU lista 483 agentes políticos na Bahia com contas rejeitadas

Crédito da foto / Reprodução/Hora do Povo


O Tribunal de Contas da União (TCU) lançou nesta semana uma lista de agentes públicos que tiveram contas julgadas irregulares nos últimos oito anos. São 7.431 nomes, sendo que 483 estão na Bahia. De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, o objetivo é orientar a população, partidos, coligações, candidatos e o próprio Ministério Público a obter mais informações sobre os candidatos.

Na região da Chapada Diamantina, gente importante possivelmente estarão impedidas de serem candidatas até, no mínimo o ano de 2030.

Veja as lideranças da região:

  • Adilson Almeida Nascimento - Mirangaba
  • Aliomar da Rocha Soares        - Morro do Chapéu
  • Amarildo Neves de Souza - Souto Soares
  • Antônio Moreira dos Santos - Jacobina
  • Carlos Moreira dos Santos - Jacobina
  • Edgar Dourado Lima - Morro do Chapéu
  • João Carneiro Carmélio - Jacobina
  • Joel Muniz de Almeida - Jacobina
  • Jorge Gaspar menezes - Jacobina 
  • José Horácio Pires - Jacobina
  • Normando Barreto Oliveira - Piritiba
  • Paulo Rodrigues de Oliveira - Jacobina
  • Sinobelino Dourado Neto - Irecê


Vale lembrar o que disse o Ministro Luiz Fux, presidente do TSE-Tribunal Superior Eleitoral sobre a questão dos fichas sujas:
É preciso deixar claro: só a presença na lista não significa que a pessoa seja considerada ficha-suja. É preciso que os requisitos da lei (da Ficha Limpa) sejam cumpridos também: dolo e irregularidade insanável, 
destacou o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, que participou de evento em Salvador. 

A Lei da Ficha Limpa torna inelegível quem tiver as contas rejeitadas por "irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa".

Veja abaixo a lista completa:

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas