JUAZEIRO # PRIVATIZAÇÃO DE FESTA PÚBLICA. PREFEITURA CONTESTA E DIZ QUE A LICITAÇÃO FOI TRANSPARENTE - Observador Independente

BAHIA

13 de julio de 2018

JUAZEIRO # PRIVATIZAÇÃO DE FESTA PÚBLICA. PREFEITURA CONTESTA E DIZ QUE A LICITAÇÃO FOI TRANSPARENTE


O leitor Pedro Rafael enviou e-mail ao site reclamando da privatização de parte da programação do aniversário de Juazeiro este final de semana. Confira:

Olá,

Estou aqui como cidadão de Juazeiro que paga imposto, como todos os moradores da nossa cidade. Gostaria de saber da prefeitura qual o motivo de mais uma vez uma "Festa Pública" paga com dinheiro público ser privatizada através de camarotes? Inclusive, da mesma empresa a Perna-Longa Entretenimento que privatizou o Carnaval, se a festa é da prefeitura e é o aniversário da cidade? A festa deve ser do povo já que é ele quem paga toda a estrutura, já privatizaram o Carnaval agora isso, até quando vamos ser escravos desse sistema? Inclusive, nas redes sociais diversas pessoas estão protestando, mas parece que Juazeiro não é mais do povo, pertence a um grupo privado.

Desde já agradeço o espaço e conto com sua ajuda colaborando com o povo e fazendo o papel da impressa de ser imparcial e democrática. 

Pedro Rafael

Cidadão, pagador de Imposto, Bacharel em Direito.

A redação do site tentou manter contato com a direção da produtora, mas não conseguiu. Vejam a resposta da Prefeitura de Juazeiro:

A Prefeitura Municipal de Juazeiro comemora os 140 anos de aniversário da cidade levando alegria e entretenimento à população.
Para minimizar custos e garantir a eficiência do serviço, o município realiza parceria com a iniciativa privada, através de licitação transparente e divulgado oficialmente. A empresa vencedora investe recursos e oferece infraestrutura e segurança.
Toda a contratação ocorre de forma transparente e o município cumpre seu papel de levar entretenimento, gerando emprego e renda.

Ascom PMJ

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas