PETROLINA @ ALIMENTOS PRODUZIDOS PELA AGRICULTURA FAMILIAR VÃO FAZER PARTE DA MERENDA ESCOLAR - Observador Independente

BAHIA

20 de julio de 2018

PETROLINA @ ALIMENTOS PRODUZIDOS PELA AGRICULTURA FAMILIAR VÃO FAZER PARTE DA MERENDA ESCOLAR

Crédito da foto / Ascom PMP Weligton Junior




A merenda dos mais de 50 mil estudantes da Rede municipal de Petrolina será reforçada com produtos adquiridos da agricultura familiar. Os produtores assinaram nesta quarta-feira (18), em reunião da Secretaria de Educação (Sedu), o contrato para a compra dos alimentos.

Todas as unidades do programa de primeira infância Nova Semente, os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e as Escolas de ensino fundamental de series inicial e final e Educação de Jovens e Adultos (EJA) vão receber frutas, verduras, hortaliças, mel e temperos. O investimento soma mais de R$2.1 milhões e faz parte do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

De acordo com Oscar Gama, secretário executivo de Suporte ao Aluno, a distribuição já começa nesta semana. "O que estamos fazendo aqui hoje é reforçar o compromisso da gestão do Prefeito Miguel Coelho de oferecer uma alimentação de qualidade às nossas crianças, além de valorizar o produtor, peça importante na nossa cadeia produtiva e econômica", pontuou.

A cerimônia contou com a participação de todos os produtores, da equipe de nutrição e técnica da Sedu e da secretária da pasta, Margareth Zapponi.


Ascom PMP Weligton Junior

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas