SALVADOR @ Presidente do GGB diz que houve erro em divulgação da exposição Cu é Lindo - Observador Independente

BAHIA

28 de julio de 2018

SALVADOR @ Presidente do GGB diz que houve erro em divulgação da exposição Cu é Lindo

Crédito da imagem / Divulgação 




O ativista e presidente do Grupo Gay da Bahia, Marcelo Cerqueira, atacou os políticos baianos que criticaram a exposição “Cu é Lindo” e destacou que houve um erro na divulgação do projeto. A mostra conta com apoio financeiro do Governo do Estado e é assinada por Kleper Reis. Ela ainda está em cartaz no Goethe-Institut até o dia 12 de agosto e a entrada é gratuita.

“As pessoas que foram ver a exposição disseram que a polêmica que gerou com o material era infimamente menor do que foi divulgado. Alguns [políticos] compraram essa polêmica porque ganham alguma coisa. [...] Todos ganham alguma coisa ao bater em ‘veado’. O material não merecia essa repercussão toda”, declarou na plenária do governador Rui Costa, na noite desta quinta-feira (26), no Wet’n Wild.

Ele afirma que o flyer de divulgação do evento poderia ter sido confeccionado de outra forma. “Não quero fazer a defesa prévia do Governo, mas as pessoas utilizaram isso para bater na cultura. O rapaz tem um erro no material dele. Não é o “Governo do Estado Apresenta”. Ele errou ou pode ter colocado para causar. Tem que saber também qual foi a ideia que o artista teve para fazer isso”, continuou.

O ativista também acredita que Kleper Reis deveria ter sido mais cauteloso. “Acho que o artista poderia ter pensado antes levando em consideração a situação que aconteceu no museu em Porto Alegre. A própria situação que aconteceu em São Paulo. Então, acho que a gente não deve dar munição para isso”.

Ainda na entrevista, Cerqueira elogiou o site BNews por ser o único site a colocar a palavra “Cu” nas manchetes a respeito da exposição. “Foi um ato corajoso”, exaltou. “No cotidiano as pessoas agridem mais com palavras do que a expressão ‘Cu’”.


bocãonews

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas