SANTO ANTº DE JESUS @ Prefeito concede entrevista a rádio local e minimiza “rompimento” de dois vereadores da base aliada - Observador Independente

BAHIA

12 de julio de 2018

SANTO ANTº DE JESUS @ Prefeito concede entrevista a rádio local e minimiza “rompimento” de dois vereadores da base aliada

Crédito da foto Jornal Vale Mais / Notícia




O prefeito Rogério Andrade, (PSD), de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano, concedeu entrevista à Rádio Andaiá FM, com sede na cidade, no final da manhã desta quinta-feira, 12, para falar de obras e serviços e do pacote de obras de mais de R$ 27 milhões em investimentos que estão sendo feitos na cidade. 

Entre as centenas de obras já concluídas e em andamento – ele citou nominalmente mais de 40 ruas cuja pavimentação já foi concluída e outras tantas que estão em processo de conclusão ou já com licitação em andamento – Andrade fez questão de ressaltar a inauguração da Policlínica, a pouco mais de 15 dias, que já está atendendo mais de vinte municípios da região – obra em parceria com o Estado – e da polêmica sobre a retomada das obras da UPA-Unidade de Pronto Atendimento. 

Segundo explicou, o projeto de construção da UPA foi orçado em R$ 2,5 milhões. Iniciada na gestão passada, não foi concluída. Em processo de investigação pelo MPF-Ministério Público Federal e Ministério da Saúde, duas situações foram colocadas: ou o município conclui a obra, aportando mais R$ 500 mil, ou devolve o que já foi repassado pelo Governo Federal. 

O prefeito disse que obviamente não iria sacrificar estes recursos, desperdiçando o que já foi feito na obra e a prefeitura já acertou o aporte de R$ 500 mil para retomada e finalização da obra. 

Outra obra importante para a cidade, a Praça do CEU, foi dada como inaugurada pela gestão passada, entretanto, segundo Rogério Andrade, a obra foi entregue inacabada e a CEF-Caixa Econômica Federal, gestora dos recursos, não aceita a finalização do convênio. A prefeitura teve que aportar mais R$ 250 mil para finalizar a obra inacabada. 

Sobre “rompimento” dos vereadores Pedro de Teca e Irmão Gerson

Pressionado pelo radialista Lelis Fernandes, - os vereadores anunciaram, nesta quarta-feira, 11, a saída da base do prefeito na Câmara Municipal - Rogério Andrade foi enfático ao afirmar,
Fui eleito para governar para o município como um todo e vou governar para o coletivo, como tenho feito. Fui eleito para me preocupar com os interesses do povo e não vou me preocupar com interesses pessoais, ou particulares.
Em outra rodada da conversa, o radialista voltou ao tema do “rompimento” dos vereadores, o que foi retrucado por Rogério,
Prefiro tratar de assuntos que são verdadeiramente importantes para a cidade. Fico feliz quando resolvo problemas da comunidade que são trazidos pelos vereadores e não quando sou pressionado a resolver problemas ou assuntos pessoais, individuais, 
disse. 

Rogério Andrade destacou ainda que tem uma bancada de onze vereadores que votam a favor dos projetos que são a favor do povo santantoniense, citando inclusive, vereadores que não estiveram com ele durante o processo da sua eleição, mas que estão firmes na bancada de situação defendendo os interesses da comunidade, citando como exemplo os vereadores, Dr Francisco, Marcos Có e Chispita, entendendo o trabalho que vem sendo feito pelo município em apenas um ano e meio de governo. 

Em uma terceira tentativa do radialista Lelis Fernandes em fazer Rogério Andrade comentar sobre o “rompimento” dos dois vereadores ele se saiu com a seguinte filosofia, segundo disse, ensinada pelo pai,
Não acredito em picuinhas; Você nunca me viu vir à imprensa falar mal das pessoas. Meu pai me ensinou no início de minha carreira que ‘político de sucesso’ tem que pisar onde o povo pisa e andar de salto baixo. Quem usa salto alto é mulher,
finalizou
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas