ELEIÇÕES 2018 @ Rui critica TCU por barrar licitação da BR-415 - Observador Independente

BAHIA

7 de agosto de 2018

ELEIÇÕES 2018 @ Rui critica TCU por barrar licitação da BR-415

Adenilson Nunes/BNews Por: Guilherme Reis




O governador Rui Costa (PT) criticou, durante palestra a empresários na manhã desta terça-feira (07), o Tribunal de Contas da União (TCU) por querer punir o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) pela licitação referente à duplicação da BR-415, entre Ilhéus e Itabuna. Feito pelo DNIT, o orçamento de R$ 109 milhões foi considerado alto pelo órgão de controle, que apontou que o valor deveria ser R$ 107 milhões. A obra chegou a ser suspensa.

“Porém, a licitação foi vencida por R$ 105 milhões, portanto menor que o preço que o TCU disse. E estamos há sete, oito meses sem conseguir iniciar a obra porque o TCU disse que quer punir os técnicos do DNIT. E eu já fui lá algumas vezes. Se é por uma diferença de R$ 2 milhões, eu disse ao ministro do TCU, deveríamos ver como puniríamos os técnicos do TCU”, disse o petista, em evento promovido pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (FAEB), pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-BA) e pela Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB). 

“Em nenhum país desenvolvido conheço essa modelagem. É uma dificuldade explicar para o investidor internacional o que ele tem de percorrer para fazer um investimento no Brasil”, acrescentou Rui.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas