FEIRA DE SANTANA @ Crianças de escolas do bairro Aviário conhecem o 35º BI em solenidade do Dia do Soldado - Observador Independente

BAHIA

24 de agosto de 2018

FEIRA DE SANTANA @ Crianças de escolas do bairro Aviário conhecem o 35º BI em solenidade do Dia do Soldado

O evento é sempre muito convidativo para os estudantes e uma aula prática de história, civilidade e cidadania. Foto: Ed Santos/Acorda Cidade




Como já é tradição, a comemoração do Dia do Soldado em Feira de Santana é marcada por uma solenidade no 35º Batalhão de Infantaria (35º BI). O prefeito Colbert Martins, militares, comunidade e crianças participaram da cerimônia nesta sexta-feira (24) e assistiram ao desfile. O evento é sempre muito convidativo para os estudantes e uma aula prática de história, civilidade e cidadania.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade


O dia 25 de agosto é o Dia do Soldado e segundo o tenente Janilson, a data celebra o nascimento de Duque de Caxias, patrono do exército brasileiro. O militar tem grande relevância na história e ficou conhecido por pacificar os conflitos internos que o país vivia durante o período imperial.

“Ele também atuou em lutas externas, como a guerra do Paraguai. É um grande exemplo que é seguido pelos militares e nós consideramos que somos soldados de Caxias, devido a integridade do nosso patrono”, frisou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Segundo o tenente coronel, o 35º BI está atualmente formando uma turma de 250 cidadãos feirenses em soldados do exército brasileiro. Tornando-os aptos para que atuem em qualquer local do Brasil e trabalhem em missões em defesa da pátria. Seja nas fronteiras ou em operações subsidiárias. A formação desses soldados acontece no período de um ano, mobilizando para a reserva e caso haja um possível conflito, eles estão aptos a compor essa reserva. Todos os dias acontecem treinamentos direcionados para o trabalho de guerra.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Ele destacou ainda o trabalho da operação carro pipa que conta com grande suporte das forças militares e leva água para milhares de sertanejos.

“Nós temos o serviço obrigatório que tem a duração de um ano e nós podemos renovar esse militar até o período de sete anos completos. Quando completa o oitavo ano, infelizmente temos que mandar esse militar embora e é por isso que nós criamos o Projeto Emprego para Todos que eu chamo a nossa sociedade feirense para poder inserir esses militares que saem do batalhão. E assim, abrir o mercado de emprego para eles. São militares com disciplina, hierarquia, que são pilares da nossa instituição. Eles têm a lealdade e também a resistência física para colaborar com qualquer empresa da cidade de Feira de Santana”, afirmou.

A professora Cláudia Almeida Santos, levou os seus alunos a Escola Sonho Meu para conhecerem mais sobre a história do exército brasileiro e assitirem a solenidade. Para ela, a atividade reforça a importância do Dia do Soldado e faz com que os estudantes possam valorizar ainda mais o trabalho desempenhado pelos militares. Ela contou que as crianças gostam muito das aulas e visitas de campo e conhecer o 35º BI foi puro entusiasmo.

“Vieram assistir a solenidade crianças da faixa etária de 6 e 7 anos. Elas ficaram muito entusiasmadas e puderam perceber de perto a importância da data”, comentou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas