FEIRA DE SANTANA @ MP pede interdição do Complexo de Delegacias por superlotação - Observador Independente

BAHIA

17 de agosto de 2018

FEIRA DE SANTANA @ MP pede interdição do Complexo de Delegacias por superlotação

Na ação, o órgão aponta diversos problemas, como superlotação, falta de segurança e higiene na unidade // Foto :Reprodução/TV Subaé




O Ministério Público da Bahia solicitou ontem (16) à Justiça a interdição do Complexo de Delegacias de Feira de Santana, no centro-norte baiano. Na ação, o órgão aponta diversos problemas, como superlotação, falta de segurança e higiene na unidade.

Segundo o site G1, há o desvio de função de quem trabalha lá: os presos em condições subumanas; os direitos dos presos que não são respeitados, junto aos seus familiares, sem visitação, banho de sol. 

Conforme o MP, se a interdição total não for determinada, a intenção é de que ocorra a parcial. A Justiça ainda não se posicionou sobre o caso. Em nota, a Polícia Civil, responsável pela carceragem, informou que ainda não foi notificada.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas