JUAZEIRO @ CARAVANA DA SAÚDE MAIS DE 200 MORADORES DA COMUNIDADE DE CONCHAS NO DISTRITO DE MANIÇOBA - Observador Independente

BAHIA

22 de agosto de 2018

JUAZEIRO @ CARAVANA DA SAÚDE MAIS DE 200 MORADORES DA COMUNIDADE DE CONCHAS NO DISTRITO DE MANIÇOBA

Crédito da foto // Débora Sousa/ SESAU / PMJ



Os moradores do bairro João XXIII receberam ontem quarta-feira (21), na Unidade Básica de Saúde, a 131º edição da Caravana da Saúde. Ao todo, 226 pacientes tiveram atendimento médico especializado com realização de exames. Dentre as especialidades estavam ortopedia, cardiologia, ginecologia, odontologia, eletrocardiograma e exames laboratoriais. Os moradores puderam ainda realizar atualização do Bolsa Família através do Estação Cidadania da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade

A dona de casa Jane Lopes de Almeida falou sobre a importância do programa Caravana da Saúde. “Sem esse programa era muito demorado. Agora, entregamos a guia no postinho e a agente de saúde passa avisando de casa em casa o dia da caravana. Hoje eu fiz exame de sangue, passei na ginecologista, minha filha e minha neta passaram pelo dentista e aproveitei também para atualizar o cadastro do Bolsa Família. Estão todos de parabéns”, pontuou.

Os atendimentos da caravana acontecem mediante necessidade de cada localidade e a partir dessa análise é realizado um cronograma mensal com os bairros que mais demandas têm. A característica da caravana da saúde é diminuir o quantitativo de demanda. “Eu vim fazer exames laboratoriais e achei muito bom o atendimento, os profissionais são simpáticos, atendem bem e espero que voltem mais vezes aqui para o bairro, coisas boas como esta devem sempre vir”, pontuou Marlene Ares de Souza que participou da caravana pela primeira vez.

A cardiologista e vice-prefeita Dulce Ribeiro que acompanha a Caravana da Saúde realiza semanalmente as consultas na área de sua especialização, relata o que tem encontrado nas rotinas de atendimentos e como os pacientes podem melhorar as condições de vida.

“Tenho encontrado muitos casos que poderiam ter sido evitados se o cliente tivesse buscado atendimento anterior como hipertensão e diabetes. A falta de alimentação saudável, prática de atividades físicas e acompanhamento regular com um profissional facilitam ao nosso corpo desenvolver enfermidades. Estamos trabalhando com o objetivo de conscientizar a população trazendo cada vez mais para as unidades de saúde que são a porta de entrada para o atendimento da população”, finaliza.


Débora Sousa/ SESAU

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas