JUAZEIRO @ REPRESENTANTES DO CONSELHO MUNICIPAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA VISITAM OBRA DO PARQUE FLUVIAL E APROVAM ACESSIBILIDADE - Observador Independente

BAHIA

17 de agosto de 2018

JUAZEIRO @ REPRESENTANTES DO CONSELHO MUNICIPAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA VISITAM OBRA DO PARQUE FLUVIAL E APROVAM ACESSIBILIDADE

Crédito da foto // Gardennia Garibalde/SEDUR




O titular da secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) Hemerson Guimarães, juntamente com o arquiteto Simon Mendes, acompanhou nesta quinta-feira (16) a visita dos representantes do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência à obra do Parque Fluvial. A visita da equipe teve como objetivo avaliar as intervenções de promoção a acessibilidade das pessoas com deficiência.

Emanuela Mariano, atual presidente do Conselho, acompanhou toda a visita e explicou que o interesse do Conselho na visita é garantir o direito de acessibilidade a todos os portadores de deficiência. 

“A Prefeitura de Juazeiro está de parabéns por garantir a acessibilidade a todos no Parque Fluvial. Antes era complicado o cadeirante ter acesso às barquinhas, hoje temos piso táctil, temos rampas sendo adequadas, e espaço para dois cadeirantes no percurso da ciclovia. Está claro que a gestão municipal teve a preocupação em promover a acessibilidade que nos é garantida por lei”, enfatizou Emanuela Mariano.

Para Josewilson Souza vice-presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência e membro do Conselho Estadual, a visita representa uma oportunidade dada pela gestão municipal ao Conselho para melhorar a implementação da política de acessibilidade no município. 

“As intervenções de acessibilidade que verificamos no Parque Fluvial só nos confirmam o olhar diferenciado da gestão do prefeito Paulo Bomfim para a política de acessibilidade. Dá a nós, pessoas com deficiência, o direito de estarmos em todos os lugares, de acessar todos os espaços, através de intervenções de acessibilidade como as que vemos aqui no Parque Fluvial”, destacou.

De acordo com o titular da SEDUR Hemerson Guimarães, entre as adequações que o projeto prevê para a estrutura já existente com o objetivo de promover acessibilidade estão: a execução de uma estrutura metálica e piso táctil na rampa de acesso ao terminal hidroviário, com o objetivo de diminuir o declive e assim permitir que as pessoas com deficiência tenham acesso ao terminal e ao Parque.

“Todas as estruturas de escadas e rampas existentes serão mantidas, passando por reforma e algumas adequações serão feitas para promover acessibilidade em todo o equipamento, tudo isso tomando como base a NBR 9050 que estabelece critérios e parâmetros técnicos a serem observados quanto ao projeto, construção, instalação e adaptação do meio urbano e rural, e de edificações às condições de acessibilidade”, explica o secretário Hemerson Guimarães, acrescentando que atualmente estão em andamento “a execução do piso intertravado da área de convivência do terminal hidroviário e a confecção das estruturas metálicas das rampas e escadas”.

Parque Fluvial – A obra do Parque Fluvial é uma iniciativa da Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR), fruto de uma parceria do Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA) do Ministério do Meio Ambiente e do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal. 

A intervenção iniciada em novembro de 2017 até o momento já executou a implantação de academias da saúde, parques infantis, 98% da extensão da pista de Cooper, ciclovia em toda a extensão do parque, recuperação do campo de esportes, das quadras poliesportivas e de areia. 

Ainda vai executar estruturação e ordenamento do mirante e criação de um atracadouro náutico e reaproveitamento da cobertura do espaço onde estão localizados os bares do M para a criação de um terminal hidroviário. 

As barracas que ficavam próximas a Marinha, já foram retiradas da margem do rio por questões ambientais e serão ordenadas e padronizadas na área da calçada que será ampliada, em resumo Juazeiro terá uma nova área de lazer, um novo cartão postal para suas famílias.


Gardennia Garibalde/SEDUR

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas