SALVADOR @ Dupla suspeita de chefiar tráfico de drogas em Alto de Coutos morre em confronto com a polícia - Observador Independente

BAHIA

16 de agosto de 2018

SALVADOR @ Dupla suspeita de chefiar tráfico de drogas em Alto de Coutos morre em confronto com a polícia

Com a dupla, a polícia apreendeu três armas e drogas (Foto: SSP/ Divulgação)




Caso na tarde de quarta-feira (15). Segundo a SSP, homens eram suspeitos de matar duas pessoas recentemente no bairro, que fica no subúrbio de Salvador.

Dois homens suspeitos de chefiar o tráfico de drogas na localidade de Jauá, em Alto de Coutos, no subúrbio de Salvador, morreram em confronto com a policiais militares, na tarde de quarta-feira (16).

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Josmar Santana Costa, conhecido como "Cabeça", 30 anos, e Bruno Bonfim Santos, 19, eram procurados pelos assassinatos de duas pessoas, ocorridos nos dias 10 e 13 deste mês.

Conforme a SSP, agentes da 18ª CIPM (Periperi) receberam a informação de que a dupla estava no bairro e foram até o local. Durante a abordagem, os suspeitos atiraram nos policiais, que revidaram. A dupla acabou ferida, chegou a ser socorrida e levada para o Hospital do Subúrbio, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, "Cabeça" deixou o sistema prisional em dezembro do ano passado e continuou na chefia do tráfico de drogas na localidade.

Com ele e Bruno, a polícia apreendeu uma espingarda calibre 12, uma pistola calibre 380, um revólver calibre 38, carregadores, munições, uma quantidade de cocaína não informada e embalagens plásticas.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas