SALVADOR @ Escritor e professor da Ufba Edivaldo Boaventura é enterrado na capital - Observador Independente

BAHIA

23 de agosto de 2018

SALVADOR @ Escritor e professor da Ufba Edivaldo Boaventura é enterrado na capital

Daniel Boaventura e os familiares do professor Edivaldo compareceram ao enterro 
(Foto: Victor Silveira/TV Bahia)



O escritor e professor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Edivaldo Boaventura, de 84 anos, foi enterrado na tarde desta quinta-feira (23), no Cemitério Jardim da Saudade, no bairro de Campinas de Brotas, em Salvador. O pai do cantor e ator Daniel Boaventura não resistiu a complicações de uma cirurgia cardíaca e morreu na madrugada de quarta-feira (22).

Dezenas de amigos e familiares, dentre eles o ator Daniel Boaventura, participaram da despedida. O filho estava bastante emocionado.

Bacharel em Direito e em Ciências Sociais pela Ufba, Boaventura era natural do município de Feira de Santana. Ele estudou no Instituto International de Planificação de Educação/UNESCO, em Paris, era mestre e PhD em Educação pela The Pennsylvania State University, nos Estados Unidos. Em 1996, o professor assumiu a direção-geral do jornal A TARDE.
Morre, em Salvador, o professor da Ufba Edivaldo Boaventura (Foto: Divulgação)


Boaventura foi secretário de Educação e Cultura da Bahia por duas vezes, uma entre 1970 e 1971 e a outra entre 1983 e 1987. Na última gestão como secretário, foi responsável pela criação da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), credenciou a Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e impulsionou a criação da Universidade Estadual do Sudoeste Baiano (UESB) e Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

Entre os anos de 2007 e 2011, Edivaldo presidiu a Academia de Letras da Bahia. A trajetória do educador foi reconhecida pelo governo de Portugal em junho deste ano, quando ele foi condecorado com a Ordem da Instrução Pública no grau de Comendador, pelos serviços prestados à educação e cultura nos dois países de língua portuguesa.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas