Operação Vostok: PF prende filho de governador do MS e um deputado do DEM - Observador Independente

BAHIA

12 de septiembre de 2018

Operação Vostok: PF prende filho de governador do MS e um deputado do DEM

Crédito da foto : Chico Ribeiro/Subcom/Governo de Mato Grosso do Sul 


Candidato à reeleição pelo PSDB, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, foi um dos alvos de buscas da Operação Vostok, da Polícia Federal, nesta quarta-feira (12). O filho do governador, Rodrigo, e o deputado estadual José Roberto Teixeira (DEM), o ‘Zé Teixeira’, foram presos. 

Ainda entre os alvos da Vostok também estão pecuaristas locais responsáveis pela emissão das notas fiscais “frias”, inclusive, o conselheiro do Tribunal de Contas Estadual, Márcio Monteiro. As informações foram divulgadas pelo blog de Fausto Macedo, do jornal O Estado de São Paulo.

A operação investiga um esquema de pagamento de propina a representantes da cúpula do Poder Executivo Estadual. Segundo a Operação Vostok, o conselheiro, que foi secretário estadual de Fazenda, teria emitido nota fiscal de R$ 333 mil em dezembro de 2016. A informação consta de uma planilhada JBS, de acordo com a PF.

Zé Teixeira é primeiro secretário da Assembleia Legislativa. Ele foi localizado pelos federais em um hotel de Campo Grande. Os investigadores afirmam que o parlamentar emitiu duas notas no valor total de R$ 1,6 milhão em setembro e em outubro de 2016. A PF fez buscas na Assembleia Legislativa.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas