PETROLINA @ PARA FORTALECER AÇÕES SOCIAIS, PREFEITURA DESENVOLVE REDE DE VOLUNTÁRIOS - Observador Independente

BAHIA

2 de septiembre de 2018

PETROLINA @ PARA FORTALECER AÇÕES SOCIAIS, PREFEITURA DESENVOLVE REDE DE VOLUNTÁRIOS

Crédito da foto : Ascom/Prefeitura de Petrolina




Tornar o município um modelo de solidariedade. Essa é a proposta da rede de voluntariados que está sendo desenvolvida pela Prefeitura de Petrolina. A partir da união de Organizações não Governamentais (ONGs); instituições de ensino; iniciativa privada e da sociedade civil, a gestão municipal pretende fomentar e fortalecer o trabalho social no Sertão. 

Em um encontro promovido nesta sexta-feira (31), na sede da prefeitura, representantes de ONGs tiveram um primeiro contato com a proposta do projeto. No evento, eles também receberam homenagens pelo Dia do Voluntário, comemorado em 28 de agosto. Na ocasião, estiveram presentes o prefeito da cidade, Miguel Coelho; a primeira-dama, Lara Coelho e a vice-prefeita, Luska Portela. 

Através de uma rede de voluntários, a gestão municipal pretende apoiar e estimular na sociedade civil o poder da transformação social, reunindo instituições e pessoas que se identificam com o trabalho voluntário e estejam dispostos a ajudar o próximo. Esse modelo já vem sendo utilizado por outros municípios, a exemplo do Recife, onde existe o projeto “Transforma Recife”, que através de uma plataforma digital conecta mais de 100 mil pessoas e 500 instituições na construção de uma cidade mais solidária. 

Em Petrolina o projeto vai auxiliar no trabalho das ONGs oferecendo apoio e ferramentas para fortalecer o voluntariado, como explica Miguel Coelho. “Nossa ideia é impulsionar o trabalho já desenvolvido pelo terceiro setor, a prefeitura atuará como mediador entre essas organizações e as pessoas da cidade que querem ajudar, mas não sabem como. Nosso objetivo é fazer de Petrolina a primeira cidade do interior do estado de Pernambuco em referência de solidariedade e voluntariado”, disse o gestor. 

A primeira-dama e articuladora desse projeto, Lara Coelho destaca a importância dessas ações. “Nossa intenção é dar visibilidade às organizações do terceiro setor e atuar como ponte entre elas e os milhares de voluntários da nossa cidade. Vamos fomentar o engajamento cívico e transformar Petrolina em um grande centro de solidariedade”, pontou. 


Ascom/Petrolina
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas