RIACHÃO DO JACUÍPE @ Motociclista tem perna amputada em acidente com caminhão na BR 324 - Observador Independente

BAHIA

3 de septiembre de 2018

RIACHÃO DO JACUÍPE @ Motociclista tem perna amputada em acidente com caminhão na BR 324

Caminhão foi interceptado pela PM de Tanquinho cerca de 20 minutos depois
Foto: Blog Hora da Verdade


A Policia Rodoviária Federal voltou a registrar mais um acidente grave envolvendo moto e caminhão na BR 324 trecho de Riachão do Jacuípe. No fim da tarde de quarta-feira, 22/09, um motociclista sofreu fraturas expostas na perna ao ser atingido por um caminhão no trecho Riachão – Tanquinho.

Na noite do último sábado, 1º, a equipe do Anjos Jacuipenses foi acionada para prestar socorro a mais uma vítima que conduzia uma motocicleta e ao chegar encontrou a mesma sem uma das pernas. Carlos André da Silva Mascarenhas, de 25 anos, foi atingido por um caminhão a cerca de 500 metros do povoado de Santana, e sua perna só foi encontrada de acordo com o Blog Hora da Verdade, por familiares do jovem a mais de 7 km do local do acidente.

Caminhão interceptado pela Policia de Tanquinho

Ainda de acordo com o Blog, o caminhão foi apreendido na cidade de Tanquinho, momentos depois do acidente. O veículo estava sendo dirigido por Valdalberto Lima da Silva, e pertence a empresa Rapidez Cargas, com placa PJO-0104 licença de Salvador.

Segundo informações da polícia da cidade de Tanquinho, ao tomar conhecimento do fato ocorrido, montaram uma barreira na BR 324 e aguardaram o caminhão. Cerca de vinte minutos depois o veículo apareceu fazendo zig zag na pista, foi dado a ordem para que parasse e foi observado que o motorista estava aparentando estado de embriaguez e foi conduzido para a delegacia de Riachão do Jacuípe.

A família do jovem que reside em Candeal está revoltada e muito triste com o fato, e afirmam que ele corre risco de morte, pois perdeu muito sangue, o estado de saúde dele ainda é muito grave.


Informações Blog Hora da Verdade e Anjos Jacuipenses
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas