SALVADOR @ Após homem morrer cortado por linha com cerol, prefeitura faz operação na orla - Observador Independente

BAHIA

2 de septiembre de 2018

SALVADOR @ Após homem morrer cortado por linha com cerol, prefeitura faz operação na orla

Durante a ação, os agentes perceberam a chegada de alguns grupos, que logo dispersaram ao perceber a presença da equipe / Foto : Divulgação






A Secretaria Municipal de Ordem (Pública), em parceria com a Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar da Bahia (PM BA), realizou ontem (1º) uma operação de fiscalização na região do antigo Aeroclube e Parque das Dunas para combater o uso da linha temperada com vidro (cerol) e linha chilena por quem solta pipa em Salvador.

Nos locais, foram encontradas diversas linhas chilenas, nas cores verde, amarela, laranja e azul. Essa linha é fabricada e preparada com óxido de alumínio, que, segundo a gestão, é “extremamente perigoso e letal”. 

Também foram recolhidos vários utensílios de preparação da linha com cerol, como tubo de cola e pó de vidro. “Isso demonstra que os praticantes não estão ali por brincadeira, eles sabem do risco que causam à população. A nossa resposta será com o aumento da fiscalização para evitar novas vítimas dessa prática ilegal e irresponsável”, disse o secretário de Ordem Pública, Marcus Passos. 

Durante a ação, os agentes perceberam a chegada de alguns grupos, que logo dispersaram ao perceber a presença da equipe. No total, 13 prepostos entre fiscalização da Semop, guardas civis e policiais militares participaram da operação. No inicio da semana passada, o motociclista João Arcângelo Rend morreu após ser atingido por uma linha com cerol na Avenida Octávio Mangabeira. 



metro1
AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Paginas