SALVADOR @ Após homem morrer cortado por linha com cerol, prefeitura faz operação na orla - Observador Independente

BAHIA

2 de septiembre de 2018

SALVADOR @ Após homem morrer cortado por linha com cerol, prefeitura faz operação na orla

Durante a ação, os agentes perceberam a chegada de alguns grupos, que logo dispersaram ao perceber a presença da equipe / Foto : Divulgação






A Secretaria Municipal de Ordem (Pública), em parceria com a Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar da Bahia (PM BA), realizou ontem (1º) uma operação de fiscalização na região do antigo Aeroclube e Parque das Dunas para combater o uso da linha temperada com vidro (cerol) e linha chilena por quem solta pipa em Salvador.

Nos locais, foram encontradas diversas linhas chilenas, nas cores verde, amarela, laranja e azul. Essa linha é fabricada e preparada com óxido de alumínio, que, segundo a gestão, é “extremamente perigoso e letal”. 

Também foram recolhidos vários utensílios de preparação da linha com cerol, como tubo de cola e pó de vidro. “Isso demonstra que os praticantes não estão ali por brincadeira, eles sabem do risco que causam à população. A nossa resposta será com o aumento da fiscalização para evitar novas vítimas dessa prática ilegal e irresponsável”, disse o secretário de Ordem Pública, Marcus Passos. 

Durante a ação, os agentes perceberam a chegada de alguns grupos, que logo dispersaram ao perceber a presença da equipe. No total, 13 prepostos entre fiscalização da Semop, guardas civis e policiais militares participaram da operação. No inicio da semana passada, o motociclista João Arcângelo Rend morreu após ser atingido por uma linha com cerol na Avenida Octávio Mangabeira. 



metro1

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas