CACHOEIRA @ Valter Hugo Mãe e Aleilton Fonseca abrem oitava edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira - Observador Independente

BAHIA

11 de octubre de 2018

CACHOEIRA @ Valter Hugo Mãe e Aleilton Fonseca abrem oitava edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira

Esse ano, a Flica homenageia a escritora Conceição Evaristo, que falará sobre os Admiráveis olhos d’água que nos contemplam no sábado (13). Crédito da foto : Flip / Divulgação




Escritores em um mundo intolerante e deserto de compaixão. Esse é o tema da mesa de abertura da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), que começa nesta quinta-feira (11) e vai até próximo domingo (14).

O português Valter Hugo Mãe e baiano Aleilton Fonseca são os escritores que irão compor a primeira mesa da festa, com mediação do diretor da Fundação Pedro Calmon (FPC), Zulu Araújo. O primeiro encontro com o público, que será a partir das 15h, será, como em anos anteriores, no Claustro do Convento do Carmo, na cidade de Cachoeira, no recôncavo baiano.
Valter Hugo Mãe e Aleilton Fonseca abrem oitava edição da Flica — Foto: Montagem/G1



Nesta oitava edição, a Flica assume uma tendência dos últimos anos com temas que permeiam o cotidiano, as relações interpessoais e etnias. A homenageada deste ano é a escritora Conceição Evaristo, ficcionista e ensaísta. Mestre em Literatura Brasileira, Doutora em Literatura Comparada, a mineira tem marcado presença em movimentos sociais, principalmente nos que se relacionam com a luta dos afro-descendentes.

Os Admiráveis olhos d’água que nos contemplam, tema da mesa com Conceição Evaristo, acontecerá na noite de sábado (13), a partir das 20h, sob mediação da também escritora, e baiana, Lívia Natália.

Fliquinha

Apesar da abertura oficial ocorrer à tarde, durante a manhã a Fliquinha, que tem programação voltada para crianças, já contará com atividades. A partir das 9h30, haverá contação de história com o ator Ângelo Flávio será o contador de história que abrirá a Fliquinha 2018.

Inspirado e incorporado na tradição dos grandes mestres griôs, o ator levará para o público presente ao Theatro Cachoerano diversas histórias da literatura brasileiras e parlendas.

A partir das 17h, a Orquestra da Polícia Militar da Bahia se apresenta na escadaria da Câmara. E, das 21h às 22h30, o Coletivo Novos Cachoeiranos ocupam o espaço. Já no espaço Território, terá apresentações do GAMGE Dança Afro e Hip Hop, das 18h às 19h30, e Contos da África – Nucleart (Núcleo de Estudos e Pesquisa Teatral do Recôncavo).

Para saber mais sobre outras programações da Flica, acesse o site: www.flica.com.br
Fliquinha terá atividades a partir de quinta-feira — Foto: Daniele Rodrigues/ Divulgação



g1bahia

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas