ELEIÇÕES 2018 @ Bahia tem renovação de 36% entre os deputados federais eleitos; Otto Alencar Filho é o 2º mais votado - Observador Independente

BAHIA

8 de octubre de 2018

ELEIÇÕES 2018 @ Bahia tem renovação de 36% entre os deputados federais eleitos; Otto Alencar Filho é o 2º mais votado

Entre os novatos na Câmara Federal, estão Pastor Sargento Isidório (Avante) e Igor Kannário (PHS) Foto : Juliana Andrade/AL-BA





A Bahia escolheu ontem (7) os deputados federais que vão assumir um novo mandato em janeiro de 2019. Das 39 vagas destinadas aos parlamentares baianos na Câmara Federal, 14 serão ocupadas por políticos que nunca ocuparam o cargo, o que representa uma renovação de 36%.

Um dos novatos é o Pastor Sargento Isidório (Avante), candidato mais votado em toda a Bahia. Isidório atuou como deputado estadual por três mandatos antes de concorrer à Câmara e teve mais de 323 mil votos, praticamente o dobro do segundo colocado, o ex-presidente da Desenbahia, Otto Alencar Filho (PSD).

Outro novato no Congresso é o cantor Igor Kannário (PHS), eleito vereador pela capital baiana em 2016.

Confira a lista completa:

Pastor Sargento Isidório (Avante)
Otto Alencar Filho (PSD)
Bacelar (Podemos)
Prof. Dayane Pimentel (PSL)
Jorge Solla (PT)
Afonso Florence (PT)
Zé Neto (PT)
Antônio Brito (PSD)
Alice Portugal (PCdoB)
Caetano (PT)
Waldenor Pereira (PT)
Valmir Assunção (PT)
Ronaldo Carleto (PP)
Josias Gomes (PT)
Marcelo Nilo (PSB)
Daniel Almeida (PCdoB)
Cacá Leão (PP)
Sérgio Brito (PSD)
Lídice da Mata (PSB)
Claudio Cajado (PP)
Elmar (DEM)
Adolfo Viana (PSDB)
Mário Negromonte Jr. (PP)
Pelegrino (PT)
José Nunes (PSD)
Marcio Marinho (PRB)
Felix Mendonça (PDT)
Arthur Maia (DEM)
João Bacelar (PR)
João Roma (PRB)
Paulo Azi (DEM)
José Rocha (PR)
Leur Lomanto Jr (DEM)
Uldurico Júnior (PPL)
Alex Santana (PDT)
Igor Kannário (PHS)
Pastor Abílio Santana (PHS)
Tito (Avante)
Raimundo Costa (PRP)





Juliana Rodrigues 

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas