FEIRA DE SANTANA @ Ex-vereador e comparsa são condenados a mais de 10 anos por jogar ácido em ex-cunhada - Observador Independente

BAHIA

19 de octubre de 2018

FEIRA DE SANTANA @ Ex-vereador e comparsa são condenados a mais de 10 anos por jogar ácido em ex-cunhada

Mulher foi queimada por ácido pelo ex-companheiro da irmã — Foto: Divulgação/Polícia Civil





Um ex-verador baiano e um comparsa dele foram condenados, nesta quinta-feira (18), a mais de 10 anos de prisão por jogar ácido em uma vendedora de lanches, na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. A informação foi divulgada pela Justiça.

O crime ocorreu no dia 30 de maio de 2017. O ex-vereador, identificado como Roberto das Neves, foi o mandante da ação. O comparsa dele, Edson Eduardo Sales Guimarães, é apontado como autor.

Segundo o Ministério Público da Bahia (MP-BA), a vítima, identificada como Maria José de Oliveira Souza, é ex-cunhada de Roberto e teria sido atacada porque o acusado culpava a mulher pelo fim do relacionamento com a irmã dela, Noemi de Oliveira Souza.

A vítima foi ferida no momento em que estava a caminho do trabalho, no bairro Chácara São Cosme, em Feira de Santana. Maria teve queimaduras graves nos braços e tórax.

O ex-vereador e o comparsa dele estavam presos desde a época do crime, quando tiveram prisão preventiva decretada pela Justiça. Nesta quinta, os dois passaram por júri popular.

A audiência foi realizada no Fórum Desembargador Filinto Bastos, no centro de Feira. O júri durou mais de dez horas.

Conforme a Justiça, Roberto das Neves foi condenado a 11 anos de prisão. Já Edson Eduardo deverá cumprir 10 anos e 4 meses. Ambas as condenações são em regime fechado.

Após o julgamento, os acusados foram levados para o Conjunto Penal de Feira de Santana, local onde estavam desde a prisão.

Caso

Conforme as investigações, Maria José de Oliveira Souza passava na frente de uma escola quando foi atacada por Edson. O homem teria parado a vítima afirmando que gostaria de compras lanches e, no momento em que a mulher se abaixou para pegar os salgados, ele teria jogado o ácido nela.

Em seguida, segundo o MP, Edson fugiu em um carro, onde Roberto estava. O veículo teria sido alugado pelo ex-vereador no mesmo dia do crime.

A vítima foi socorrida e levada para o Hospital Geral Clériston Andrade, em Feira de Santana. Depois, a mulher foi transferida para uma unidade de referência em queimados da região.

Desde então, o crime passou a ser investigado pela Polícia Civil, que concluiu inquérito e remeteu o caso para o MP ainda em 2017. O órgão, por sua vez, ofereceu denúncia contra os suspeitos, em seguida.

Na denúncia do MP, ainda consta a informação de que, antes do ataque, a vítima estava sob ameaças do ex-cunhado.

Por meio de cartas, conforme as investigações, o acusado teria anunciado que jogaria ácido na vítima. Além disso, 15 dias antes do crime, Roberto ainda teria contado à mulher que tinha sonhado que ela "estava internada em um hospital com o corpo cheio de bolhas e queimaduras".

Roberto Neves é ex-vereador de São Sebastião do Passé, cidade 70km distante de Feira de Santana. Ele e a irmã da vítima ficaram juntos por onze anos. O relacionamento teria acabado em 2016, um ano antes do ataque.




g1bahia

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas