PETROLINA @ TESE DE MESTRADO QUE AVALIA A UPAE/IMIP DE PETROLINA É PUBLICADA EM REVISTA CIENTÍFICA - Observador Independente

PETROLINA @ TESE DE MESTRADO QUE AVALIA A UPAE/IMIP DE PETROLINA É PUBLICADA EM REVISTA CIENTÍFICA

Compartilhar
Crédito da foto :: Anna Monteiro-Hospital Dom Malan Imip / Divulgação    




A tese de mestrado da enfermeira Luciana Bezerra da Silva, que coloca a UPAE/IMIP de Petrolina em primeiro lugar na avaliação de desempenho de três Unidades Pernambucana de Atenção Especializada tipo II, foi divulgada na edição de outubro da revista científica "Saúde em Debate".

Após passar pelo crivo da banca examinadora em novembro de 2017, o estudo foi então submetido e aprovado pelos editores do periódico, que só aceita trabalhos originais e inéditos que aportem contribuições relevantes para o conhecimento científico acumulado na área. 

O estudo, produzido pela mestranda à época serviu de parâmetro para a análise do serviço prestado pelas UPAEs no estado, levando em consideração que havia uma lacuna na atenção de média complexidade antes do período de implantação destes serviços, e que as mesmas vêm desempenhando importante papel na estruturação do modelo de atendimento ambulatorial especializado em Pernambuco.

Na avaliação – que levou em conta a perspectiva financeira; processos internos; perspectiva do cliente; aprendizado e crescimento – a UPAE de Petrolina ficou com a média geral de 88,2 pontos, alcançando o desempenho excelente em todos os itens, e o primeiro lugar entre as unidades selecionadas.

"A gente fica feliz com esse reconhecimento porque é algo que vem de fora, de um agente imparcial, que teve acesso aos nossos relatórios e documentos. É uma análise que leva em conta os nossos dados oficiais e reais, sem maquiagem, e que aprova o que estamos fazendo. Ter a nossa UPAE como campo de estudo para uma tese de mestrado já nos enche de orgulho. Ver esse trabalho divulgado em uma importante revista científica do país é sem tamanho", analisa Grazziela.

Confira a publicação: 




Anna Monteiro-Hospital Dom Malan Imip

Post Bottom Ad

VivaABahia