BAHIA @ Doze profissionais inscritos no Mais Médicos começam a trabalhar na Bahia em substituição a cubanos - Observador Independente

BAHIA @ Doze profissionais inscritos no Mais Médicos começam a trabalhar na Bahia em substituição a cubanos

Compartilhar
Crédito da foto :: Elói Corrêa/GOVBA / Divulgação




Eles estão alocados em 10 cidades do estado. Outros devem chegar nos próximos dias. Médicos cubanos estão voltando para Cuba uma vez que a ditadura comunista rompeu o programa. 



Doze médicos que se inscreveram na última semana no programa Mais Médicos já começaram a trabalhar na Bahia, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (26) pelo Ministério da Saúde. Outros devem assumir cargo nos próximos dias.

Segundo o ministério, os profissionais que já estão em atuação foram alocados em 10 cidades do estado. América Dourada, Central, Feira da Mata, Itabuna, Jequié, João Dourado, Santa Maria da Vitória, Santo Estevão, Seabra e Uauá.

Com exceção de Central, que recebeu três médicos, cada um dos outros nove municípios têm, até então, um profissional do programa em atuação.

Conforme o Ministério da Saúde, até as 12h desta segunda-feira (26), 97,2% das vagas em todo o país estavam preenchidas. Só na Bahia, são ofertadas 853 vagas no programa Mais Médicos.

O balanço mais recente aponta que 8.278 profissionais se cadastraram e estavam alocados para atuação imediata. Eles têm até 14 de dezembro para se apresentar no município escolhido e entregar todos os documentos exigidos no edital. Os médicos que já assumiram na Bahia já passaram por esse processo.

O salário para os médicos do programa é de R$ 11.800. Podem se candidatar às vagas os médicos brasileiros com CRM Brasil ou com diploma revalidado no país. As inscrições vão até o dia 7 de dezembro pelo site do programa.

Post Bottom Ad

VivaABahia