BARREIRAS @ Homem é preso por matar mulher grávida a facadas na frente dos 2 filhos; criança de 4 anos tinha marcas de sangue nas pernas - Observador Independente

BAHIA

7 de noviembre de 2018

BARREIRAS @ Homem é preso por matar mulher grávida a facadas na frente dos 2 filhos; criança de 4 anos tinha marcas de sangue nas pernas

Crédito da imagem :: Padrão OBI / Divulgação    




Crime ocorreu no município de Barreiras, região oeste da Bahia. Suspeito confessou homicídio, segundo polícia.


Um homem foi preso suspeito de matar a facadas a companheira grávida na cidade de Barreiras, na região oeste da Bahia, durante uma briga.

O crime ocorreu na noite do último sábado (3), dentro do apartamento onde o casal morava, no Residencial Boa Sorte. Os dois filhos do casal, um criança de 2 e outra de 4 anos, presenciaram o homicídio, conforme a polícia.

O suspeito, Rafael Silva dos Santos, de 25 anos, foi localizado no município de Igaporã, no sudoeste do estado. A Polícia Civil informou que o homem fugiu com o filho menor para a cidade após cometer o crime.

A vítima foi Girlane Santana Silva, de 20 anos. Ainda de acordo com a polícia, o homem confessou o homicídio contra a companheira.

Segundo a polícia, no dia do crime, PMs foram acionados e encontraram a jovem morta dentro de um dos quartos da casa.

A equipe da polícia civil também compareceu no local para levantar informações, mas não houve manifestação de testemunhas que teriam presenciado o crime.

Vizinhos disseram somente ter ouvido uma briga com gritos e, logo em seguida, viram o suspeito sair da residência com o filho caçula do casal, de 2 anos. O outro filho do casal, de 4 anos, também estava no imóvel no momento do crime. A criança apresentava respingos de sangue nas pernas, que, segundo a polícia, seriam da mãe.

A criança, ainda de acordo com a polícia, foi acolhida pelos vizinhos porque não haviam outros parentes no local do crime.

A Polícia Civil informou que o suspeito deverá responder pelo crime de feminicídio.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas