JUAZEIRO @ TÉCNICAS DA PREFEITURA SÃO PALESTRANTES NO SIMPÓSIO DE AGRICULTURA ORGÂNICA E AGROECOLÓGICA - Observador Independente

BAHIA

10 de noviembre de 2018

JUAZEIRO @ TÉCNICAS DA PREFEITURA SÃO PALESTRANTES NO SIMPÓSIO DE AGRICULTURA ORGÂNICA E AGROECOLÓGICA

Crédito da foto :: Lene Radina/ADEAP / Divulgação     





O segundo dia do Simpósio de Agricultura Orgânica e Agroecológica, realizado no Centro de Agroecologia, Energias Renováveis e Desenvolvimento Sustentável (Caerdes), contou com a participação das técnicas a engenheira agrônoma Cristiane Lima e a médica veterinária Sheina Campos, da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (ADEAP).

Na ocasião, Cristiane Lima fez uma apresentação detalhada sobre a Feira de Orgânicos do Vale, projeto da prefeitura através da ADEAP, em parceria com a Associação de Produtores de Orgânicos do João Paulo II e a Associação de Produtores e Produtores de Orgânicos de Vale do São Francisco (APROVASF).

“A feira surgiu devido uma necessidade constatada pela população de se ter um local acessível, fixo e de credibilidade para a comercialização de produtos orgânicos. O projeto foi concretizado há um ano, oportunizando saúde e melhores condições de vida à população”, destacou a agrônoma.

A Feira de Orgânico do Vale é um espaço dedicado à comercialização de frutas, verduras e hortaliças orgânicas e tem periodicidade semanal. São 16 produtores certificados, integrantes das duas associações que ocupam as barracas existentes. Além da feira de orgânicos, também foi abordada a certificação dos produtos - principal exigência para o produtor participar da feira.

“Firmamos parceria com a ‘Certificadora ABC Orgânico’ que, além de apoiar a feira, atende aos produtores interessados em certificar seus produtos com preço acessível tornando-os aptos a serem comercializados. A certificação realizada é participativa, atuando em grupos de produtores, através do monitoramento mútuo, para comprovar se os mesmos estão adequados, bem como através da avaliação da certificadora”, explicou Cristiane.

A médica veterinária da ADEAP Sheina Campos falou sobre o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) e explicou todo o processo de adequação das leis do serviço e do selo e a importância da sua implantação no município.

“Criamos o Conselho Regulador do Serviço de Inspeção Municipal (CSIM), um dos requisitos exigidos para a criação e gestão do Serviço de Inspeção Municipal (SIM), que irá certificar com o selo e acompanhar a inspeção dos produtos de origem animal e vegetal no município. Em sua composição o Conselho conta com representantes da ADEAP, Vigilância Sanitária, ADAB, sociedade civil do CMDRS, consumidores e agricultores”, explicou Sheina.

O Selo de Inspeção Municipal irá beneficiar agroindústrias de pequeno porte e pequenos empreendedores do município, garantindo ao consumidor um produto final dentro dos padrões higiênicos sanitários. O SIM é um certificado de qualidade expedido por técnicos e veterinários do município, de forma menos burocrática e dispendiosa.

“A prefeitura através da ADEAP tem focado no desenvolvimento dos produtores da sede e do interior do município. A criação da feira de orgânicos tem sido um sucesso, pois além de oferecer à comunidade um alimento saudável, possibilita aos agricultores maior visibilidade e quantitativo de vendas dos produtos. Já o selo trará aos pequenos empreendedores do município uma tranquilidade e segurança na comercialização dos seus produtos”, frisou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária, Tiano Felix.

Durante todo o dia, o Iº Simpósio de Agricultura Orgânica e Agroecológica contou apresentações voltadas ao tema principal – ações de extensão rural, educação, ciência e tecnologia para um futuro sustentável. Estiveram presentes estudantes, representantes de instituições e produtores.




Lene Radina/ADEAP

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.

O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.

VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas