SALVADOR @ PM baleado ao tentar evitar assalto a ônibus em Salvador é enterrado - Observador Independente

BAHIA

1 de diciembre de 2018

SALVADOR @ PM baleado ao tentar evitar assalto a ônibus em Salvador é enterrado

Crédito da foto :: Reprodução/TV Bahia




Cerimônia foi realizada no Cemitério Bosque da Paz, no bairro de Nova Brasília, na tarde deste sábado (1º). Vítima morreu na sexta-feira (30). Suspeito foi morto em confronto.


Foi enterrado na tarde deste sábado (1º), em Salvador, o cabo da Polícia Militar Juvanildo Paulino dos Santos, que foi assassinado ao tentar impedir um assalto a ônibus, na sexta-feira (30).

O sepultamento foi realizado no Cemitério Bosque da Paz, no bairro de Nova Brasília, por volta das 16h. Dezenas de familiares e amigos do cabo, incluindo outros policiais militares, compareceram à cerimônia.

Juvanildo Paulino dos Santos atuava na Polícia Militar há 21 anos. O policial deixou mulher e quatro filhos.

Caso

O crime ocorreu na localidade conhecida como Jaqueira do Carneiro, em um trecho da BR-324. De acordo com a polícia, a vítima estava em um ponto de ônibus, quando foi alertado por uma passageira do coletivo assaltado.

Ao perceber a ação, o PM tentou intervir, impedindo a fuga do criminoso, mas foi atingido por ele. Mesmo ferido, Juvanildo ainda atirou contra o suspeito, que conseguiu fugir em direção ao bairro do Calabetão.

O policial chegou a ser socorrido e foi levado para o Hospital do Subúrbio, mas não resistiu aos ferimentos.

O criminoso foi perseguido por outros policiais e, segundo a SSP, durante abordagem, trocou tiros com os PMs, acabou atingido e morreu. Ainda segundo a SSP-BA, com o suspeito, foi encontrado um revólver calibre 38 e munições.

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas