SANTA LUZ @ Nota da Prefeitura sobre as fortes chuvas que caíram no município - Observador Independente

BAHIA

5 de diciembre de 2018

SANTA LUZ @ Nota da Prefeitura sobre as fortes chuvas que caíram no município

Crédito da foto :: Departamento de Comunicação da Prefeitura de Santaluz



Mesmo tendo sido propagado e até, equivocadamente, viralizar, como algo de grande prejuízo e de abrangência geral, o fato das fortes chuvas, ocorrido em Santaluz na última segunda-feira, 03 de dezembro, não deixou o município acabado como se imaginava, não fez desabrigados em grande quantidade e muito menos vítimas ou feridos. 

A facilidade de propagação das redes sociais e a natural sensibilidade das pessoas, acabaram ocasionando um alarde que se espalhou como um problema não solucionável e até um motivo para um decreto do estado de emergência.

Diante das informações acima, a Prefeitura de Santaluz, através da Secretaria Municipal de Administração, informa para a população Luzense que seus serviços, irrestritamente, estão em pleno funcionamento e disponíveis, como sempre, para o cidadão. 

De acordo com o Secretário da pasta, Júnior do Max, um levantamento da Secretaria Municipal de Assistência Social, constatou que aproximadamente 85 famílias foram afetadas, nos Bairros Mãe Rufina, JK, São Jorge e Alegreto, dentre as quais, 10 precisaram deixar suas moradias, que passarão por recuperação e reformas, devido ao estado que ficaram. Essas famílias, consideradas dentro de um estado mais crítico, serão beneficiadas com o aluguel social, até que suas residências sejam reinstituídas.

A prefeitura reitera ainda que uma força tarefa, envolvendo todos os setores da gestão, foi articulada para o acompanhamento de todos os casos e um trabalho de apoio foi iniciado, devendo perdurar ao longo da semana e até prorrogado, de acordo com cada caso. Cestas básicas foram entregues para famílias prejudicas, além da distribuição de café, almoço e sopa. 

A administração solicitou do setor de compras a aquisição de lençóis e colchões e na infraestrutura, através da Defesa Civil, estuda soluções para problemas de ineficiência no suporte de contenção de águas, nos locais que oferecem construções de risco e sem planejamento, como é o caso do Alegreto, onde inúmeras casas foram erguidas na beira de um riacho, sendo então, o local mais afetado.

Mesmo tendo existido famílias atingidas, a gestão municipal ressalta que está tomando todas as providências e soluções para restabelecer a dignidade e a moradia de quem, neste momento, mais precisa, destacando que o episódio de segunda-feira, fruto de um fenômeno natural, mostra o lado de que todas as prezas, barragens, barreiros e açudes do município acumularam muita água e em sua maioria acabaram sangrando, o que deixou o povo Luzense feliz, principalmente o homem e a mulher do campo, que deixarão de sofrer tanto com a seca, presente durante os últimos anos em nossa terra.

Uma equipe da Secretaria Municipal de Infraestrutura também se empenha para restaurar as estradas da Zona Rural.




Departamento de Comunicação da Prefeitura de Santaluz

AVISO LEGAL

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Observador Independente.

É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros.
O Observador Independente pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso, conforme regra estipulada em sua Política de Privacidade.
VOCÊ e mais 12 mil pessoas estão recebendo está matéria via whatsapp por que tem algum contato com umas das nossas três redações. Se não quiser mais receber os alertas, por favor, nos informe.

Paginas