S.O.S Ilha: moradores de Cacha Pregos denunciam abandono: "aprendemos a não ter sonhos" - Observador Independente

S.O.S Ilha: moradores de Cacha Pregos denunciam abandono: "aprendemos a não ter sonhos"

Compartilhar
Crédito da foto :: Diego Vieira / Reprodução


Adenilson Nunes/BNews 



Considerada uma das praias mais isoladas da Ilha de Itaparica, no município de Vera Cruz, Cacha Pregos exibe belezas que compõem um cenário perfeito para aproveitar o verão da Bahia. Com areias brancas, mar calmo e cercada por coqueirais, a praia, localizada no extremo sul da ilha, tem atrativos de sobra para receber turistas durante a alta estação. Apesar disso, encontrar visitantes no local tem sido cada vez mais difícil nos últimos anos. Segundo os moradores, os sinais de abandono na localidade é o principal motivo para queda do turismo.

Na segunda matéria da série ‘S.O.S Ilha’, a reportagem do BNews foi até Cacha Pregos e conversou com a população que relatou diversas reclamações. Para o comerciante Adelino Santana, morador do local há 20 anos, a falta de investimentos por parte da Prefeitura Municipal contribui para a diminuição de turistas. Proprietário de um bar, localizado na praça do pequeno vilarejo, ele diz que é necessário ter muita paciência para aguardar a chegada de um novo cliente ao estabelecimento.
Crédito da foto :: Diego Vieira / Reprodução

Os moradores daqui aprenderam a não ter sonhos. A minha principal queixa é referente a falta de estrutura e investimento da prefeitura. Todos os anos nessa época estamos praticamente falidos. O prefeito começou a mexer com a ilha, mas essas mudanças ainda não chegaram até Cacha Pregos. Ficar aqui para aguardar um cliente é um sacrifício muito grande,
relatou.

Do outro lado da rua, a mercearia do Sr. Inácio Jesus vive uma situação não muito diferente. Ao  site BNews, ele relembrou a época em que a proximidade do Carnaval era sinônimo de aumento das vendas. De acordo com o comerciante, a queda no número de turistas começou a ser notada nos últimos cinco anos. 
Crédito da foto :: Diego Vieira / Reprodução

Eu moro aqui há 13 anos e quando eu cheguei aqui o verão bombava, mas agora é diferente. Hoje isso aqui faz vergonha. Não tem um balcão de informações para turistas, essa praça praticamente abandonada. Isso é vergonhoso demais. Prometimento tem muito, mas fazer que é bom nada, 
desabafou.

Principal ponto de encontro e lazer da praia, a praça pública a qual ele refere estampa sinais de desgaste do tempo espalhados por todo o espaço. Segundo moradores, a última reforma foi feita em uma parte do equipamento há dois anos e de lá para cá nenhuma intervensão de melhoria foi realizada. "Cacha Pregos é um lugar totalmente esquecido pelos órgãos públicos. Tem dois anos que concertaram um lado da praça e o outro lado continua da mesma forma", afirmou o vendedor de pastéis André Luis. Segundo ele, a falta de infraestrutura impacta diretamente no turismo da região. 

"Na verdade, hoje aqui tem mais veranistas, que são as pessoas que já têm casa aqui, mas turistas mesmo é muito difícil encontrar. Já vendi muito pastel em dólar, mas hoje em dia a situação é bastante diferente", completou.
Crédito da foto :: Diego Vieira / Reprodução

Conforme a marisqueira Roquelina Santos, a baixa no turismo também refletiu no bolso de quem aluga imóveis para temporadas. 

Há um tempo se você chegasse aqui em novembro não se encontrava mais casas para alugar para o período do carnaval e essa realidade hoje é totalmente diferente. Ano passado mesmo foi bem fraco a movimentação aqui. Um lugar desse tão lindo. É uma pena. Tem a questão da segurança aqui que é péssima. Então tudo isso afasta os turistas também, 
relatou.

Através de nota enviada à reportagem, a Prefeitura informou obras de requalificação estão sendo realizadas em Cacha Pregos. Segundo a gestão, os serviços incluem a reformulação do Porto da localidade e modernização da orla. 

O local passará a ter o que há de mais moderno em termos de iluminação, com a implantação de lâmpadas em filete de LEDs. São mais de R$250 mil em investimento apenas na iluminação do espaço,
informou.

Ainda segundo a Prefeitura, "no caso do porto, o espaço vai ganhar calçamento, com piso intertravado com pedra especial sextavada, paisagismo, área de convivência, iluminação em LED, letreiro da cidade, além de novos quiosques e uma academia de saúde".

Post Bottom Ad

VivaABahia