A CONTÍNUA VERGONHA BAIANA 👎 TJ-BA pode montar estúdio de TV por até R$ 1,7 milhão em plena crise financeira no país 👎 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

terça-feira, janeiro 25, 2022

A CONTÍNUA VERGONHA BAIANA 👎 TJ-BA pode montar estúdio de TV por até R$ 1,7 milhão em plena crise financeira no país 👎



O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) quer montar um estúdio de TV que poderá custar até R$ 1,7 milhão. A licitação foi lançada no dia 4 de janeiro, com abertura das propostas no dia 14 deste mês. De acordo com o edital do pregão, a licitação tem como objetivo “a aquisição de equipamentos para estúdio de TV e rádio para produção de vídeo, áudio, iluminação e edição de imagens, com instalação, treinamento básico de utilização dos sistemas e suporte técnico para montagem de estúdio que viabilizará o funcionamento da TV Justiça, Rádio Web e auditório do edifício-sede do Poder Judiciário do Estado da Bahia”.


Nos valores de referência da licitação, chama a atenção o preço dos equipamentos listados pelo TJ-BA: aquisição de cinco filmadoras com resolução 4K, cujo valor unitário pode chegar até R$ 71,5 mil; um drone de valor estimado em R$ 36,9 mil; cinco tripés de câmeras com valor unitário de R$ 10,5 mil; equipamentos de iluminação; mesa de som; kits de microfones que podem custar cada um quase R$ 10 mil; monitores de vídeo em 4K; três câmeras fotográficas full frame de valor unitário de aproximadamente R$ 40 mil; além de TVs 4K de 75 polegadas, por valor unitário de R$ 7,9 mil; entre outros equipamentos de broadcast.

O edital da licitação apresenta a seguinte justificativa: 

“O aparelhamento dos estúdios visa à ampliação e à melhoria das transmissões e da programação e resultará em ganhos de eficiência no fluxo de trabalho, fortalecimento das redes sociais, além de aumento da diversidade do material audiovisual produzido pela Assessoria de Comunicação Social (Ascom) para gravação de programas jornalísticos e programas de entrevistas e entretenimento. Os equipamentos permitirão transmissões ao vivo e coberturas jornalísticas diárias dos principais eventos do PJ-BA, bem como a divulgação de todos os serviços judiciais, extrajudiciais e de cidadania que estão continuamente à disposição da sociedade baiana para fomentar a desjudicialização, com significativo impacto nas taxas de congestionamento. Ademais, poderão ser produzidos documentários e retransmitidos com frequência os treinamentos de utilização de todos os sistemas judiciais e administrativos utilizados pelo Poder Judiciário do Estado da Bahia que serão exibidos nas 203 comarcas entre capital e interior, proporcionando não só aos cidadãos usufruir dos serviços oferecidos, como dar amplitude e maior difusão aos servidores e magistrados das normas e diretrizes institucionalmente estabelecidas”.

Outra justificativa da licitação é sobre a importância dos vídeos institucionais produzidos pela Ascom para o TJ-BA. “Com a implantação da TV será possível levar mais informações ao público externo, a exemplo do planejamento, metas e ações do Tribunal mais antigo das Américas”, diz o edital. Os produtos produzidos pela Ascom serão divulgados nas redes sociais do tribunal, como Instagram, Facebook e YouTube. O material também será exibido na Rádio Web do Tribunal.

Em outro momento, o edital informa que a presente licitação aumentará o volume e a qualidade do material produzido pela Ascom, com permissão de transmissões ao vivo, “alcançando os 417 municípios da Bahia e projeção para todo o país, inclusive com a participação ativa na TV Justiça". "Assim sendo, diminuirá a distância entre o cidadão e os serviços oferecidos pelo PJ-BA, contribuindo significativamente para um melhor exercício da cidadania”. Parte dos equipamentos serão instalados no auditório do TJ-BA para transmissões ao vivo de eventos realizados pela Corte no local.

PREÇOS NO MERCADO

A descrição do equipamento de filmagem apresentado na licitação do TJ-BA coincide com a filmadora da Sony PXW-Z280 4K 3-CMOS 1/2-inch Sensor XDCAM Camcorder, vendida na Amazon por US$ 8,4 mil. Na conversão, o valor ficaria em aproximadamente R$ 50 mil. A mesa de som apresentada na licitação, com valor de R$ 44 mil, no mercado custa cerca de R$ 19 mil. A câmera fotográfica full frame apresentada na licitação coincide com o modelo Canon 5D Full Frame, vendida no mercado por R$ 18 mil. Na referência de preço da licitação, cada unidade pode custar até R$ 40 mil.

NAS REDES SOCIAIS

O TJ-BA tem 49 mil seguidores no Instagram, com mais de 1,6 mil publicações, que envolvem desde divulgação de eventos e campanhas até peças para parabenizar os desembargadores aniversariantes. Já no Youtube, são mais de 13 mil inscritos, com a publicação de mais de 2,2 mil vídeos - a maioria são das sessões de julgamentos. Já a página no Facebook tem mais de 23 mil curtidas.

PEDIDO NÃO RESPONDIDO

Até o fechamento desta matéria, o TJ-BA não respondeu as questões feitas, incluindo se a instalação do estúdio é relevante em um momento de pandemia, tendo em vista a baixa arrecadação do Estado com a crise financeira.

Além disso, a Corte baiana não respondeu se há a perspectiva da instalação de um canal de TV exclusivo para a Bahia, nos moldes da TV Justiça, nem sobre se haveria necessidade de contratação de mão de obra capacitada para a gestão do espaço, incluindo uma projeção dos custos desta contratação.



Imagem ::: Reprodução Google / Ilustrativa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->