Mulher é morta a facadas em Salvador; namorado é suspeito e deixou carta para família - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sábado, janeiro 29, 2022

Mulher é morta a facadas em Salvador; namorado é suspeito e deixou carta para família


Caso aconteceu nesta sexta-feira (28), no bairro de São Cristóvão. Polícia afirma que jovem se matou após cometer crime e teve corpo encontrado na região da praia de Ipitanga, em Lauro de Freitas.


Uma mulher de 25 anos foi morta a facadas nesta sexta-feira (28), na casa onde morava, no bairro de São Cristóvão, em Salvador. Segundo a Polícia Civil, o suspeito de matar Gabriele dos Santos Souza, foi o namorado dela, que cometeu suicídio e teve o corpo encontrado na região da praia de Ipitanga, em Lauro de Freitas, com marcas de tiros.

De acordo com a polícia, a arma que Guilherme Andrade Santos, de 21 anos, usou para se matar foi encontrada em um córrego, que também fica na região da praia. O suspeito revelou crime e o suicídio em uma carta que escreveu para a família dele.

A Polícia Civil informou que o caso é investigado pela 1ª Delegacia de Homicídios (1ª DH/Atlântico), familiares do casal serão ouvidos e laudos periciais vão contribuir com as investigações.

Segundo informações da família de Gabriele Souza, a mulher e o jovem namoraram por cerca de 1 ano e 5 meses e tinham um relacionamento marcado por brigas. No início do ano, Gabriele Souza publicou uma fotos nas redes sociais e escreveu na legenda um pedido de renovação de fé e paz.

"Que esse novo ano abra as portas para novos sonhos, que o senhor Jesus Cristo sempre renove minha fé, meu desejo é de paz para esse mundo. Feliz ano novo", disse a mulher.

Relacionamento

A família da vítima afirma que Guilherme era ciumento e que o relacionamento dos dois tinha acabado porque o suspeito agrediu Gabriele. Ela não teria registrado boletim de ocorrência, porque o jovem trabalhava na Aeronáutica e não queria prejudicar a carreira dele.

Ainda segundo a família de Gabriele, o casal, que morava sozinho, na casa do avô da mulher, tentava reatar o namoro. A vítima chegou a dizer que o jovem teria mudado o comportamento ciumento.

Gabriele e Guilherme foram para um restaurante, no Corredor da Vitória, na quinta-feira (27) e a mulher fez várias publicações nas redes sociais, onde mostrava momentos de diversão, em uma praia privada. Depois disso, a família de Gabriele não teve mais contato com a vítima.

Na tarde desta sexta, a mãe dela, Lindinalva Oliveira, ligou para a filha, para fazer um convite de almoço. No entanto, não foi respondida.

A mãe de Gabriele informou que foi chamar a filha, na casa onde ela mora, que fica na mesma rua dela, e também não foi atendida. Com isso, um familiar da vítima, que tinha a chave do imóvel, abriu a porta e a encontrou morta.

A família de Gabriele acredita que o crime aconteceu entre a noite de quinta e manhã desta sexta. O sepultamento do corpo da mulher deve acontecer neste sábado (29), no Cemitério Municipal de Itapuã. Nas redes sociais, os amigos da vítima lamentaram o crime.

Guilherme confessou ter matado namorada — Foto: Arquivo Pessoal



Fotos: Reprodução / Redes Sociais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->