Governador Rui Costa (PT-BA) anuncia Adélia Pinheiro como nova secretária da Saúde da Bahia; médica substitui Tereza Paim - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sábado, fevereiro 05, 2022

Governador Rui Costa (PT-BA) anuncia Adélia Pinheiro como nova secretária da Saúde da Bahia; médica substitui Tereza Paim





Após seis meses da saída de Fábio Vilas-Boas, o governador Rui Costa (PT) anunciou, enfim, a nova titular da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), a médica Adélia Pinheiro. Ela substitui Tereza Paim, neonatologista que ocupava o cargo, interinamente, desde agosto de 2021.


O anúncio foi feito na noite desta sexta-feira (4/2), pelo governador Rui Costa (PT), que agradeceu à Tereza Paim pela dedicação e pelos relevantes serviços prestados ao estado. A nomeação será publicada na edição deste sábado (5) do Diário Oficial.

Adélia Pinheiro tem mestrado em Saúde Coletiva pela Universidade Federal da Bahia e doutorado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo; ela já foi reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz, da qual é professora concursada, e estava à frente da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).

SAÍDA DE VILAS-BOAS

A gestão de Fábio Vilas-Boas não resistiu à repercussão negativa gerada em torno do episódio que o envolveu no primeiro dia de agosto de 2021. Após grave ofensa direcionada à chef de cozinha e proprietária do Restaurante da Preta, Angeluci Figueiredo, através de suas redes sociais, ele acabou pedindo demissão do cargo, no dia 3 do mesmo mês.

O cardiologista entregou uma carta com pedido de exoneração na qual o médico agradeceu a confiança do governador que lhe fez o convite e que "me deu a oportunidade de contribuir para uma verdadeira revolução na saúde visando atender a quem mais precisa". Fábio também desculpou-se pelo episódio que envolveu Angeluci.

Rui agradeceu pelo empenho com que o médico conduziu a pasta durante sua gestão e, depois, informou que a Sesab seria conduzida, interinamente, pela subsecretária Tereza Paim.

A vítima do secretário, Angeluci Figueiredo, foi chamada de “vagabunda” por Vilas-Boas, insatisfeito em não ser recebido em seu estabelecimento.

O local, situado na Ilha dos Frades, estava fechado, devido ao mau tempo em Salvador. Por isso, a proprietária havia alegado condição inapropriada para o funcionamento, considerando a necessidade de uma travessia marítima para seus funcionários e grande parte da clientela.

Imediatamente, após as atitudes desrespeitosas que foram além dos xingamentos, várias manifestações em apoio à empresária e pedidos de punição ao secretário, começaram a circular nas redes sociais. Provavelmente, a situação ficou insuportável, o que deve ter estimulado o ex-gestor da Sesab a pedir o seu desligamento do cargo.



‌Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.



Foto ::: Reprodução 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->