Ex secretário de saúde do PT, Fábio Vilas Boas está fechado com o MDB, confirma Lúcio Vieira Lima; Esse é o candidato que proferiu ofensas a uma chef de restaurante em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

domingo, março 27, 2022

Ex secretário de saúde do PT, Fábio Vilas Boas está fechado com o MDB, confirma Lúcio Vieira Lima; Esse é o candidato que proferiu ofensas a uma chef de restaurante em Salvador



O ex-secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, está mesmo fechado com o MDB, que deve abrigar sua candidatura a deputado federal nas eleições de outubro. A informação foi confirmada ao Bahia Notícias pelo presidente de honra do MDB na Bahia, o ex-deputado federal Lúcio Vieira Lima.

Esse ex-secretário é o mesmo que desferiu inúmeras ofensas a uma chef de cozinha em Salvador. O caso envolvendo as mensagens ofensivas proferidas pelo secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, à chef de cozinha Angeluci Figueiredo, tiveram uma grande repercussão, que chegou em âmbito nacional.

De acordo com Lúcio, há um acordo tanto com Vilas-Boas quanto com Geraldo Junior, presidente da Câmara de Vereadores de Salvador, para que ambos estejam no MDB independentemente de qual candidato ao governo da Bahia o partido decida apoiar.

“Se o MDB apoiar Jerônimo, Geraldinho terá liberdade para fazer campanha para ACM Neto. Se o MDB for com ACM Neto, Fábio terá independência para apoiar Jerônimo. Assim será com cada quadro do partido. Não é assim que ACM Neto está fazendo com os candidatos à presidência da República?”, disse Lúcio ao BN.

Lúcio confirmou que negocia com ambos os principais lados da disputa ao Palácio de Ondina, mas negou que esteja mais próximo de um do que do outro. “Tem 50% de chance para cada”, afirmou.

Entretanto, fontes próximas à cúpula do União Brasil, partido de ACM Neto, já dão como certa a ida do MDB para a base do governo do estado. Nos bastidores da Secretaria Estadual de Relações Institucionais (Serin), a chegada dos emedebistas também é vista como bem próxima.

O presidente de honra do MDB-BA, entretanto, garante que ainda aguarda que os candidatos se mobilizem para oferecer candidatos e votos ao partido.

“O MDB nacional quer que a gente entregue votos, que a gente entregue deputados. A gente deseja eleger parlamentares, para garantir tempo de televisão, fundo partidário e fundo eleitoral. Estamos aguardando que nos ofereçam nomes fortes para a disputa da Câmara”, revelou Lúcio.

Fontes ligadas à Serin apontam que o governo do estado estaria considerando oferecer, além de nomes para a disputa da Câmara, a vaga de vice na chapa de Jerônimo. A ideia inicial seria a filiação do deputado estadual Nelson Leal (PP) ao MDB, mas Lúcio negou que a hipótese tenha passado por ele.

“Não participei de nenhuma conversa nesse sentido. Nelson Leal é muito meu amigo, gosto muito dele. Mas não conversei sobre isso em momento nenhum”, disse.

JOSEPH BANDEIRA

Aliado do governo do estado, o ex-deputado federal Joseph Bandeira esteve nesta sexta-feira (25) na sede do MDB-BA junto a Vilas-Boas. Lúcio negou que haja um acordo para filiar Bandeira, mas confessou que realizou um convite.

"Não tem nada certo. Ele foi lá para nos ver, conversar, saber como estávamos pensando. Eu gosto muito de Bandeira. Já apoiei ele para prefeito de Juazeiro. Aproveitei que ele foi lá e o convidei para se filiar. Mas ele não nos respondeu ainda", disse.



Foto ::: Metro 1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->