TRAIÇÃO DE BOLSONARO AO POVO BRASILEIRO 🤮 Pastor do MEC investiu R$ 450 mil abrindo duas empresas no mesmo dia 🤮 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

sexta-feira, março 25, 2022

TRAIÇÃO DE BOLSONARO AO POVO BRASILEIRO 🤮 Pastor do MEC investiu R$ 450 mil abrindo duas empresas no mesmo dia 🤮


Gilmar Santos criou, há duas semanas, uma faculdade e uma editora, registradas em endereços de sua igreja, onde não há sinal de atividades que não sejam cultos


Agência O Globo


Em construção. Obra do prédio onde o pastor Gilmar Santos pretende instalar, segundo fiéis, a "Faculdade ITCT"

Suspeito de cobrar propina para facilitar a liberação de recursos do Ministério da Educação, o pastor Gilmar Santos investiu quase meio milhão de reais para criar duas empresas, abertas há duas semanas. No mesmo dia, 8 de março deste ano, ele abriu uma faculdade em Goiânia, com aporte inicial de R$ 100 mil , e registrou uma editora na cidade vizinha de Aparecida de Goiânia, com capital de R$ 350 mil. Na quarta-feira, dois prefeitos afirmaram ao GLOBO que Santos e outro religioso, Arilton Moura, pediram quantias em dinheiro e até a compra de bíblias em troca de agilizar os repasses aos municípios.

O GLOBO esteve nos dois endereços das empresas que constam nos documentos protocolados na Junta Comercial de Goiás. Tanto a faculdade quanto a editora foram registradas em sedes da Assembleia de Deus Cristo Para Todos, igreja comandada por Santos e da qual Moura também faz parte. Nos dois casos, não há sinal de que os locais sirvam para outras atividades além dos cultos religiosos.

Na capital goiana, o templo funciona em um prédio de três andares que atualmente está em obras (na fase de concretar as paredes), cercado por duas casas grandes e muradas. O templo central, que foi visitado pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, no fim do ano passado, fica bem em frente das três estruturas.

Segundo vizinhos que frequentam a igreja, a obra começou há três anos e foi paralisada por falta de dinheiro durante a pandemia. Em vídeos postados em 2021, o pastor aparece pedindo dinheiro aos fiéis para comprar ferragens para as escadas e concluir a construção do telhado — nas imagens, ele balança um papel com orçamento das obras. A nova estrutura, de acordo com os fiéis ouvidos em caráter reservado, é onde o pastor pretende instalar a “Faculdade ITCT”, sigla para “Instituto Teológico Cristo para Todos”.

A sede em Aparecida de Goiânia, por sua vez, é mais modesta. No endereço onde a nova editora de Santos foi registrada existe apenas um galpão, pintado de azul, com o nome da igreja e uma foto do religioso na fachada. O local, que fica em uma área industrial a cerca de 20 minutos do centro da cidade, estava fechado na tarde de ontem.

Santos já possuía uma editora, criada em 2013, no mesmo endereço da igreja em Goiânia, registrada como “Editora e Publicadora Cristo para Todos Limitada”. O capital social desta empresa é de R$ 110 mil. A nova, criada há duas semanas com o triplo do valor, tem CNPJ diferente, mas nome quase idêntico: “Editora Cristo para Todos Limitada”. Questionado sobre a abertura das empresas no mesmo dia, Gilmar não retornou os contatos do GLOBO.

Os relatos dos prefeitos Kelton Pinheiro, de Bonfinópolis (GO), e José Manoel de Souza, de Boa Esperança do Sul (SP), dão conta de que os pedidos de propina variavam de R$ 15 mil a R$ 40 mil e incluíam também a compra de bíblias.

Além de fundador da Assembleia de Deus Cristo Para Todos, Santos é diretor da Convenção Nacional de Igrejas e Ministros das Assembleias de Deus do Brasil.



Foto ::: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->