Prefeita de Teolândia chora após cancelamento pelo STJ de show e de sonho com Gusttavo Lima; Município é um dos mais pobres da BA - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

segunda-feira, junho 06, 2022

Prefeita de Teolândia chora após cancelamento pelo STJ de show e de sonho com Gusttavo Lima; Município é um dos mais pobres da BA



Rosa Baitinga (PP) lamentou a suspensão do show dizendo que "A dor é muito grande", após a decisão do STJ. O cantor sertanejo deixou a cidade voltando ao aeroporto onde ele havia pousado com um jatinho particular avaliado em R$ 250 milhões.


A prefeita do pequeno município de Teolândia, na Bahia, Rosa Baitinga (PP), chorou durante um discurso, diante das pessoas que aguardavam a apresentação do cantor Gusttavo Lima, lamentando o cancelamento, por determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ) , no último domingo (5), do show do sertanejo, que aconteceria em poucas horas na cidade.

"A minha dor é muito grande, vocês não têm ideia. Eu queria estar hoje, de vermelho e preto, arrumada para o Embaixador (apelido de Gusttavo Lima)", proferiu a prefeita. "Digo a vocês: O Embaixador veio ali no posto de gasolina, mas ele teve que voltar. E Deus o acompanhe, ilumine sua vida e lhe dê muitos anos de vida, porque o futuro a Deus pertence", disse ela, cercada pela família, de pré-candidatos e parlamentares de seu partido.

Chorando, ela encerrou o discurso ajoelhada, com repetidas referências a Deus. "A péssima notícia chega, e chega quase de noite. Parece que é para matar a gente. Mas quem tem força tem coragem", afirmou. "Agora estou pedindo a Deus que nos abençoe para que a gente consiga recuperar a economia do nosso município. Deus é fiel. Deus está conosco", bradou a prefeita.

A população do pequeno município baiano viu apenas o veículo em que estava o artista. Nas redes sociais, moradores publicaram vídeos do ônibus indo embora. Segundo a prefeita da cidade, ela não conseguiu realizar o "sonho pessoal" de conhecer Gusttavo Lima, que ficou dentro do ônibus estacionado num posto de gasolina — próximo ao local onde aconteceria a festa.

O tradicional evento a cidade, a Festa da Banana foi suspensa, neste ano, após um pedido do Ministério Público da Bahia. No sábado (4), a prefeitura recorreu da liminar e ganhou autorização para tocar a festa . No domingo (5), porém, o STJ voltou a fazer valer o cancelamento.

Gusttavo Lima receberia um cachê de R$ 704 mil pela apresentação na cidade. O festival custaria um total de R$ 2,3 milhões, o que corresponde a 40% do que o município destinou à saúde durante todo o ano de 2021.

Após a decisão do STJ, o cantor sertanejo deixou a cidade voltando ao aeroporto onde ele havia pousado com um jatinho particular avaliado em R$ 250 milhões.

Saiba mais sobre o ato bárbaro praticado contra a população de um dos mais pobres municípios da BA:

PIADA DA SEMANA 🤣 "Sem festa, sem pista" 👽 Alguns moradores sem noção da realidade da cidade de Teolândia bloqueiam trecho da BR-101 após cancelamento de evento com Gusttavo Lima🤣 Município tem pouco mais de 16 mil habitantes


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->