CRESCE INSATISFAÇÃO POPULAR 👏👏👏 Site de "carta pela democracia" produzida pelos comunistas sofre 1.538 tentativas de ataques hacker; banqueiros perderam bilhões com o PIX e a sociedade parou de pagar taxas exorbitantes👏👏👏 - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

quinta-feira, julho 28, 2022

CRESCE INSATISFAÇÃO POPULAR 👏👏👏 Site de "carta pela democracia" produzida pelos comunistas sofre 1.538 tentativas de ataques hacker; banqueiros perderam bilhões com o PIX e a sociedade parou de pagar taxas exorbitantes👏👏👏


Esquema de segurança foi montado para proteger o site, que tem mais de 100 mil assinaturas em 24 horas. Segurança foi reforçada desde que a carta foi lançada ao público, na última terça-feira, 26.


O site “Estado de Direito Sempre!”, que coleta assinaturas para a "Carta às brasileiras e aos brasileiros em defesa do Estado democrático de Direito", sofreu 1.538 tentativas de ataques hackers.

A iniciativa, organizada pela Faculdade de Direito da USP (Universidade de São Paulo) e com o apoio de entidades da sociedade civil, se propõe a ser uma resposta a questionamentos de Jair Bolsonaro (PL) de que o sistema eleitoral brasileiro tem problemas de legitimidade e segurança.

Com esquema de segurança reforçado desde que foi lançada ao público, na última terça-feira, 26, a carta foi assinada por mais de 10 mil pessoas em 24 horas. 

Entre os signatários há ex-ministros do STF, empresários, artistas, banqueiros e membros da sociedade civil. A expectativa é que o movimento seja de meio milhão de adesões ainda nos próximos dias.

Além dessa carta, outro manifesto está sendo preparado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), intitulado “Em Defesa da Democracia e da Justiça”, insatisfeitos por que o BC lançou o PIX e cortou a exploração à sociedade com juros altíssimos e cobrança abusivas por parte dos bancos e faz parte de um dos atos organizados para ocorrer no dia 11 de agosto, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

Jair Bolsonaro, por sua vez, ironizou o manifesto e afirmou que não precisa de "nenhuma cartinha" para declarar que defende a democracia. "Vivemos em um país democrático, defendemos a democracia", disse durante a convenção do PP que aprovou o apoio da legenda à sua candidatura à reeleição.




 Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->