Mulher denuncia urologista por assédio em Salvador - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

quinta-feira, julho 21, 2022

Mulher denuncia urologista por assédio em Salvador


Médico teria tocado paciente inapropriadamente durante exame e manifestado desejo de sair com ela.



Uma paciente denunciou um médico urologista por assédio depois de uma consulta em Salvador. A vítima, que preferiu não se identificar, afirma ter sido tocada nas partes íntimas durante uma consulta.

A paciente se sentiu molestada pela conduta e registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na polícia.

Depois da consulta, a paciente chegou a expor ao médico seu constrangimento. Por meio de mensagens pelo celular, a paciente disse ao médico que se sentiu constrangida e assediada diante da conduta e dos comentários do profissional durante a consulta. O médico respondeu as mensagens com um pedido de desculpas e falou que foi um mal entendido. Disse também que queria se desculpar pessoalmente.

Ela responde que não voltaria ao consultório sabendo que o profissional desejava sair com ela. 

"Tentar me tocar na maca me fez sentir completamente assediada, foi muita falta de ética", 

escreveu.

Em nota, a Polícia Civil disse que a apuração do caso está em andamento na delegacia do Rio Vermelho, na capital baiana. Afirmou também que depoimentos já estão sendo colhidos e o investigado vai prestar depoimento na unidade policial.


Foto: Reprodução/TV Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->