Policial lotado em delegacia da mulher é investigado por suspeita de agredir companheira - Observador Independente

Acontecendo

Bem-vindo! Hoje é

terça-feira, julho 26, 2022

Policial lotado em delegacia da mulher é investigado por suspeita de agredir companheira


Caso aconteceu no Rio de Janeiro.


Lotado na Delegacia Especial de Proteção à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, o policial civil Marcos André de Oliveira dos Santos, de 50 anos, que era chefe de investigação, está sendo acusado de lesão corporal, injúria, ameaça e violência psicológica contra uma ex-companheira.

A Polícia Civil carioca confirmou que ele foi denunciado por violência doméstica pelo Ministério Público à Justiça. A vítima, uma advogada de 29 anos, gravou conversas com o agente, e esteve na Corregedoria-Geral de Polícia Civil para fazer o registro da ocorrência. “Vou te matar, e me matar depois” é uma das frases ditas pelo acusado, no réveillon de 2021 para 2022.

Os dois se conheceram na Deam, unidade especializada em casos em que a mulher é vítima de violência, onde a advogada foi pegar a cópia de um inquérito, em fevereiro de 2021. A relação durou cerca de um ano.




Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opínião

-->